Na Alemanha, robô avatar permite que menino doente veja aula de casa

·1 min de leitura
Robô avatar vai à escola no lugar de menino doente na Alemanha. Foto: Reprodução da internet.
Robô avatar vai à escola no lugar de menino doente na Alemanha. Foto: Reprodução da internet.
  • Na Alemanha, robô avatar permite que menino de 7 anos com doença pulmonar participe da aula de casa;

  • O dispositivo, que tem câmera e microfone, permite a captação do conteúdo ensinado e a interação com professores e alunos;

  • O robô é financiando pelo conselho local de um distrito em Berlim.

Graças a um robô avatar, Joshua Martinangeli, de 7 anos, está conseguindo interagir de casa com professor e colegas de classe. O menino tem uma grave doença pulmonar e precisa ficar entubado.

A escola que permite tal façanha, a Pusteblume-Grundschuleque, fica na Alemanha e adotou mais dispositivos que permitem aos alunos doentes assistirem às aulas em tempo real.

Leia também:

Para transmitir o que acontece em sala, o robô, que tem câmera e microfone para captar o conteúdo ensinado, é colocado em uma mesa de estudante. O que o aluno à distância comunica sai pelo alto-falante no local.

De casa, o menino adoentado acompanha as aulas por um tablet, podendo falar com aqueles presentes na sala de aula.

De acordo com Ute Winterbeg, diretor do colégio, as crianças conseguem se comunicar e se divertir com Joshua.

O conselho local do distrito de Marzahn-Hellersdof, em Berlim, financia o dispositivo. Até o momento, o órgão comprou quatro robôs para escolas regionais e tem intenção de debater a compra de mais, de forma a distribuir em nível estadual.

Segundo Tosrten Kuehne, conselheiro distrital de educação, o impulso da compra das máquinas veio por causa da Covid-19, mas diz que a tecnologia representa o futuro para além da pandemia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos