Na Argentina, Lula se encontra com chefes de governo

Logo Agência Brasil
Logo Agência Brasil

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva manteve uma série de encontros bilaterais com chefes de governo e representantes de organismos multilaterais, na tarde desta terça-feira (24), em Buenos Aires, capital da Argentina. As reuniões ocorreram às margens da 7ª Cúpula da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac), que reúne 33 países do hemisfério.

Lula está em viagem à Argentina, a primeira internacional após tomar posse no cargo. Ontem (23), teve encontro com o presidente do país, Alberto Fernández, para retomada das relações bilaterais.

Notícias relacionadas:

O primeiro encontro bilateral do dia, após discursar na plenária da Celac, foi com primeira-ministra de Barbados, Mia Mottley. Segundo Lula, a reunião serviu para estreitar a relação entre os dois países. "Queremos aproximar ainda mais, buscando voltar a ter transporte aéreo entre nossos países", postou em postagem nas redes sociais.

Em seguida, Lula se reuniu com o presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel e destacou a retomada do diálogo internacional do Brasil a partir do seu governo. "O Brasil restabelecendo suas relações diplomáticas no mundo", disse o governante brasileiro.

Outro encontro bilateral do dia ocorreu com o presidente do  Conselho Europeu, Charles Michel. "Estamos conversando com o mundo sobre cooperação e parcerias pela paz, desenvolvimento econômico, sustentabilidade e prosperidade", apontou Lula.

O presidente do Brasil também se reuniu com o diretor-geral da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), Qu Dongyu. Em suas redes sociais Lula disse que os dois falaram "sobre somar esforços para combater a fome no mundo".

Uruguai

O giro internacional de Lula prossegue nesta quarta-feira (25), quando ele se desloca de Buenos Aires para Montevidéu, onde terá uma reunião bilateral com o presidente uruguaio, Luis Lacalle Pou. Lula também receberá um prêmio da prefeitura de Montevidéu pela atuação em defesa do meio ambiente. O presidente brasileiro ainda se encontrará com o ex-presidente do Uruguai, Pepe Mujica, em sua chácara nos arredores da capital. Em seguida, Lula retorna ao Brasil.