Na saída do Enem, candidato botafoguense comemora vitória do time

·2 min de leitura

RIO - Henrique Pinheiro, de 23 anos saiu da prova feliz com a notícia do 1x0 do Botafogo. Fazendo prova durante o jogo, o estudante não sabia se teria a chance de ver o possível título do time de coração. Informado pela reportagem do resultado o estudante de engenharia ambiental comemorou ainda no portão da UERJ.

— É duro porque a gente ainda depende do resultado contra o Coritiba, mas sair com essa notícia já dá um ânimo!

Caso vença hoje e com a derrota ou empate do jogo do Coritiba contra o CSA o Botafogo se torna matematicamente o campeão da Série B do campeonato brasileiro.

No seu terceiro Enem, Henrique, que já é estudante de engenharia ambiental, afirma que a prova foi tranquila mesmo com a surpresa do tema da redação e que ficou feliz em terminar rápido a tempo de poder ver o fim do jogo e o possível título do time.

Yuri Cabral, de 18 anos, saiu da prova e também foi informado pela reportagem do título. Contente, não se conteve e comemorou ainda na porta da UERJ.

— Até pensei em não fazer o Enem hoje porque estou fazendo pela primeira vez como teste ainda, mas a família fez questão e tudo mais. Sair com essa notícia já é a melhor parte do dia! Triste só de não poder acompanhar aqui no Rio o jogo de comemoração semana que vem porque tenho prova de novo.

Yuri abriu a mochila e tirou de dentro a camisa que guardou pra comemorar quando saísse da prova. Para ele, o título nunca foi dúvida.

Moradora da Mangueira, Maria Luiza serra de 16 anos se disse surpresa com a complexidade da prova.

— Questões muito tensas, você fica preocupado com o tempo que está levando por questão e isso acaba deixando ainda mais ansioso. Mas num geral acredito que tenha ido bem, é difícil porque é uma prova bem longa e cansativa. Isso dificulta muito.

Segundo o estudante Lucas Kanazawa, de 20 anos, o tema da redação, ainda que diferente, não era difícil.

— Para quem tem um pouco mais de “vivência” fora da bolha etc, não é um tema complicado. A dificuldade de acesso à documentação é realidade para bastante gente apesar de ser um tema pouco repercutido tradicionalmente.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos