Naldo Benny diz que Anitta não existiria sem ele: "Fiz o funk virar uma indústria"

Naldo Benny e Mulher Moranguinho no
Naldo Benny e Mulher Moranguinho no "BarbaCast". Foto: Reprodução/Youtube

Resumo da notícia:

  • Naldo Benny se declarou precursor do funk mais voltado para o pop

  • Cantor acredita que, sem ele, Anitta não existiria como potência internacional

  • Ele ainda contou que pensou na possibilidade de gravar com nomes como Jay-Z

Naldo Benny virou assunto nas redes sociais por uma declaração sobre a origem do funk mais voltado para o pop e a carreira internacional de Anitta. Em entrevista ao podcast "BarbaCast", o cantor se declarou precursor do gênero e disse que a artista não existiria sem ele.

Ao citar sua ex-empresária, Kamilla Fialho, que também trabalhou com Anitta, Naldo refletiu sobre seu trabalho na música. “A Kamilla está muito certa quando coloca assim: ‘sem o Naldo, não existiria Anitta’. Eu fui o cara que virei o funk para o funk pop. Eu fiz o funk virar uma indústria, industrializei o gênero”, afirmou.

“Quando eu gravei meu primeiro DVD, em 2011, no Citibank, que não existia Anitta, Ludmilla, nenhuma dessas, ali eu mostro pra indústria que existia um funk pop, o novo pop industrializado”, completou.

Ele ainda apontou semelhanças entre sua carreira e a trajetória da artista. “Em 2008, eu dava entrevistas dizendo: ‘vou ter uma casa em Miami, vou fazer uma carreira internacional, começando em Miami, para o público latino. A Anitta seguiu isso“, disse.

Mulher Moranguinho, esposa de Naldo, também comentou sobre o assunto. “Ele mostrou para a galera que veio depois dele que isso era possível. Não se via um artista funk dizendo que queria levar o funk para o mundo, que ia fazer parceria com um artista internacional. Ele acreditou numa coisa que a galera do funk não achava que seria possível”, declarou.

O funkeiro também falou sobre a possibilidade de trabalhar com cantores internacionais. “Eu não estou falando de ego. Estou falando que é sonoramente possível. Eu olhei para o quadro e falei: ‘consigo gravar uma música com Jay-Z, com Chris Brown’. Porque o meu som é um som urbano, eletrônico como o deles, é da rua”, concluiu.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos