Namorada de Filipe Ret mostra casa revirada após ação policial que investiga rapper por porte de drogas

Como parte das investigações por porte de drogas por parte do cantor Filipe Ret, a polícia cumpriu mandados de busca e apreensão em quatro endereços. Em um deles estava a casa de Anna Estrella, namorada do artista. Nas redes sociais, a digital influencer exibiu imagens da casa revirada. Ela não estava no local.

"A todos que se preocuparam: está tudo bem. Estou em Angra dos Reis curtindo as férias do Theo (filho do casal). Entraram na minha casa, reviraram tudo, mas com eu disse, está tudo bem", disse Anna, após descrever como um "caos" a situação.

Filipe Ret, que também estava em Angra, foi conduzido do resort para sede da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), no Jacarezinho, na Zona Norte do Rio. O artista deixou o local sem prestar depoimento.

Um inquérito foi instaurado, no início do mês, para investigar o artista pelo crime de tráfico de drogas, após ele oferecer um “open beck" ou "open maconha” em sua festa de aniversário, no dia 23 de junho, no Vivo Rio, na Zona Sul da cidade. Em imagens postadas nas redes sociais pelo próprio artista, ele segura um balde azul com o que parece ser cigarros da droga dentro.

Além da casa de Anna Estrella, a polícia cumpriu mandado em outros três endereços em bairros da Zona Sul, como Flamengo, Glória, Laranjeiras e Catete. Na decisão, a juíza Simone de Faria Ferraz, em exercício na 23ª Vara Criminal, determinou que fossem recolhidos do local equipamentos eletrônicos, como computadores e HDs, que se refiram à festa de aniversário de Filipe Ret.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos