NASA compartilha acervo com 35 mil fotos da missão Apollo na Lua

Comandante Jim McDivitt olhando para o módulo lunar da missão Apollo 9 (Imagem: Nasa/JSC/ASU/Andy Saunders)
Comandante Jim McDivitt olhando para o módulo lunar da missão Apollo 9 (Imagem: Nasa/JSC/ASU/Andy Saunders)
  • Fotografias foram restauradas digitalmente pelo britânico Andy Saunders;

  • Imagens estarão em novo livro "Apollo Remastered";

  • Fotos mostram toda beleza dos momentos capazes de acontecer somente no espaço.

Aproveitando o clima de missões lunares, a NASA compartilhou seu acervo com cerca de 35 mil fotos restauradas digitalmente da primeira missão lunar, a Apollo.

A NASA afirmou que pretende retornar ao satélite somente em 2025. Até lá dificilmente teremos novas imagens realizadas por astronautas em solo lunar, então as milhares de imagens da NASA são tudo que temos para saciar a curiosidade. Restauradas pelo britânico Andy Saunders, as fotos estavam guardadas há 50 anos no Johnson Space Center em Houston.

Sanders realizou a restauração pixel a pixel das imagens, selecionando algumas para a dispô-las em seu novo livro "Apollo Remastered" que será lançado na comemoração ao 50º aniversário da Apollo 11, primeira missão que pousou na Lua.

Dentre as imagens no livro estão a que ilustra esta matéria, que mostra o comandante Jim McDivitt olhando para a Apollo 9, o voo espacial tripulado norte-americano relacionado ao Programa Apollo que serviu como teste do módulo Lunar.

"Ele escreveu na traseira 'Esta é a família do astronauta Duke do Planeta Terra. Aterrissou na Lua em abril de 1972.'", disse Peake (Imagem: Nasa/JSC/ASU/Andy Saunders)
"Ele escreveu na traseira 'Esta é a família do astronauta Duke do Planeta Terra. Aterrissou na Lua em abril de 1972.'", disse Peake (Imagem: Nasa/JSC/ASU/Andy Saunders)

Outra imagem restaurada de destaque é a de uma fotografia envolta em plástico deixada por Charlie Duke, que mostra o astronauta e sua família. Muitos astronautas deixaram objetos na Lua durante as missões, como prova de sua passagem pelo satélite, a serem recuperados por futuros exploradores espaciais.

De acordo com o astronauta Tim Peake, a imagem da fotografia de Duke é uma das melhores de toda coleção. "Eles realmente maximizaram o retorno científico das missões Apollo. Ver isso (a foto da família de Duke) de repente, é como dizer: “Não se esqueça que somos humanos”.