Nasa paga R$ 69 mil para dormir de cabeça pra baixo por 1 mês

·2 min de leitura
"Cape Canaveral, FL, USA- January 2, 2011: The NASA\'s Logo Signage at the Kennedy Space Center, NASA in Florida, USA."
"Cape Canaveral, FL, USA- January 2, 2011: The NASA\'s Logo Signage at the Kennedy Space Center, NASA in Florida, USA."
  • Nasa procura voluntários para estudo sobre transtornos de sono;

  • Candidatos selecionados serão remunerados com 11 mil euros (cerca de 69 mil);

  • Pesquisa acontece em conjunto entre agências espaciais norte-americana e alemã;

A National Aeronautics and Space Administration (NASA) começou a recrutar voluntários, em parceria com a agência espacial alemã (DLR), para estudo sobre os transtornos de sono causados em ambientes sem gravidade. De acordo com informações do portal G1, os candidatos selecionados serão remunerados com 11 mil euros (cerca de R$ 69 mil). 

Leia também:

Para poder ganhar essas cifras, os envolvidos na pesquisa precisarão dormir em uma cama inclinada por um mês. O estudo, batizado de "Nasa Bed rest studies", faz relatórios sobre repouso na cama, desde o início da pesquisa, que começou em 2019. Durante os testes, os voluntários precisam dormir por até 70 dias em uma cama inclinada a seis graus, com a cabeça na parte mais baixa.

Quem se aplica ao perfil de candidatos para a NASA

A mais nova fase da pesquisa é programada para acontecer durante o verão europeu de 2023. Os testes irão durar 59 dias, sendo que em 30 deles os voluntários precisarão dormir na cama inclinada. Conforme a DLR alemã, por meio do Centro de Pesquisa de Medicina Aeroespacial, os voluntários selecionados devem ser saudáveis, ter entre 24 a 55 anos e estatura mínima de 153 cm e máxima de 190 cm.

Segundo informações do portal G1, os testes em cama inclinada permitem que os pesquisadores das agências espaciais norte-americana e alemã analisem os efeitos das mudanças de fluidos no corpo humano, além de observarem a perda de massa óssea e muscular frequentemente experimentada pelos astronautas no espaço.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos