Naturalizado, Ricardo Goulart chega na China e projeta retorno


O atacante Ricardo Goulart, que atua no Guanghzou Evergrande, retornou à China na última sexta-feira, dia 3 de abril, e iniciou um período de quarentena de 14 dias em casa antes de se reapresentar ao restante do elenco com seus companheiros. O jogador é um dos poucos “brasileiros” que puderam retornar ao país

Como finalizou o processo de naturalização, Ricardo Goulart é, agora, considerado chinês. Dessa forma, ele foi liberado para retornar ao país, diferentemente de outros atletas estrangeiros que ainda não têm essa autorização.

- Cheguei na China no fim da última semana, agora vou respeitar o período que eles nos pediram de 14 dias de quarentena para aí poder seguir a programação com o clube. Creio que seja um processo importante, aqui as coisas estão sendo muito respeitadas e rígidas, mas acho que seja o ideal a se fazer - disse Ricardo, que concluiu:

- Estava no Brasil, respeitando também o pedido de ficar em casa, estava com minha família, mas agora que as coisas estão normalizando aqui na China, com menos casos, esperamos que possamos voltar a treinar e atuar o quanto antes.

Apesar de ainda não ter uma data definida para o retorno dos jogos com o elenco, Ricardo admite ansiedade para voltar a treinar com os companheiros.

- Estou com muita saudades de jogar, com certeza. Eu já vinha treinando bem com o grupo e fazendo a pré-temporada normalmente com todos já no aguardo do início dos jogos, aí veio essa pausa. Espero que tudo se normalize o quanto antes, com segurança, para fazermos o que mais gostamos.