“NaufraGuedes”: cartaz gigante em protesto ao governo é colado na Faria Lima

·2 min de leitura
Paulo Guedes
Esta não é a primeira vez que o ministro da economia é alvo de protestos na avenida

(REUTERS/Adriano Machado)

  • Lambe-lambe gigante é colado em protesto contra o atual governo

  • Cartaz traz a expressão "NaufraGuedes", em alusão ao ministro da economia

  • Segundo um dos manifestantes, "Guedes afundou a economia" e se tornou um náufrago no governo"

Um lambe-lambe gigante foi colado na Avenida Faria Lima, coração financeiro de São Paulo, em protesto à atuação do ministro da economia, Paulo Guedes. Com 4 metros de altura e 12 de cumprimento, o cartaz traz a expressão “NaufraGuedes” no centro e imagens do ministro e do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nas laterais.

Leia também:

A ação foi realizada por um grupo de designers e comunicadores que já participou de outras intervenções na cidade e que se declara apartidário e sem relação com nenhum movimento social específico.

"Quando se apresentou como fiador de Bolsonaro, Guedes prometia ser o verdadeiro capitão da economia. Hoje está claro que Paulo Guedes afundou a economia e se tornou, ele mesmo, um náufrago no governo. Agarrado ao cargo, sem controle algum, à deriva dos interesses do Centrão”, disse um dos integrantes do grupo à Folha de S. Paulo.

Intervenções anteriores

Esta não é a primeira vez que Guedes é alvo de protestos na Faria Lima. Em outubro, manifestantes colaram um cartaz com a foto do ministro da Economia em uma nota de US$ 9,55 milhões, em referência à quantia que ele acumulou no paraíso fiscal das Ilhas Virgens Britânicas.

Na nota de dólar, também está escrito “No tax we trust” (confiamos em nenhum imposto) e “Duty Free” (sem taxas), além do lembrete dos R$ 14 mil que Guedes obteve por dia no governo Bolsonaro.

Um mês e meio antes desse protesto, manifestantes fizeram um cartaz de Guedes escrito “Faria Loser”. Loser significa perdedor, em inglês.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos