Navio de combustível naufraga na Tunísia e cria ameaça de desastre ambiental

·1 min de leitura

Por Tarek Amara

TUNES (Reuters) - Autoridades tunisianas intensificaram esforços neste sábado para evitar um desastre ambiental depois que um navio mercante transportando mil toneladas de combustível afundou na costa de Gabes na sexta-feira, disseram duas fontes da área de segurança à Reuters.

A marinha da Tunísia resgatou todos os sete tripulantes do navio, que ia da Guiné Equatorial para Malta, e enviou um pedido de socorro a sete milhas da cidade de Gabes, ao sul, acrescentaram as fontes.

A causa do incidente foi o mau tempo, informou o Ministério do Meio Ambiente, acrescentando que a água se infiltrou no navio. As autoridades estão trabalhando para evitar um desastre ambiental e reduzir qualquer impacto, acrescentou o ministério em comunicado.

A pasta também disse que serão montadas barreiras para limitar a propagação de combustível e isolar o navio, antes de aspirar o derramamento.

Há anos a costa de Gabes sofre por grande poluição, com organizações ambientais dizendo que as usinas industriais da região despejam resíduos diretamente no mar.

(Reportagem de Tarek Amara)((Tradução Redação Brasília, 55 11 5047-2695)); REUTERS BC)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos