Negociações pós-Brexit em Londres continuarão até quarta-feira e seguirão para Bruxelas

·1 minuto de leitura
O primeiro-ministro britânico Boris Johnson na Câmara dos Comuns em Londres
O primeiro-ministro britânico Boris Johnson na Câmara dos Comuns em Londres

As negociações comerciais pós-Brexit iniciadas na quinta-feira entre o Reino Unido e a União Europeia continuarão até quarta-feira em Londres e depois irão para Bruxelas, mas "ainda estão longe de um acordo", informaram várias fontes europeias à AFP neste domingo (25).

"As negociações continuam em Londres até quarta-feira, depois em Bruxelas a partir de quinta", afirmaram as fontes europeias.

"As negociações avançam, mas ainda estão longe", comentou um responsável europeu. A UE se recusou a acelerar as discussões, porque os Estados-membros precisam ser informados do estado das mesmas, explicou.

O negociador europeu Michel Barnier viajará entre Londres e Bruxelas na semana próxima, indicaram dois funcionários do bloco.

Várias alternativas estão sendo estudadas para os três pontos difíceis, que são o alinhamento das normas e regras do jogo em questão de competência, a solução de controversas e a pesca.

A UE se nega a estabelecer prazos para as negociações, mas considera fazer um balanço em meados de novembro, disseram as fontes.

Barnier e seu homólogo britânico David Frost buscam "textos legais em todas as áreas pela primeira vez", destacou na sexta-feira um porta-voz do primeiro-ministro do Reino Unido Boris Johnson.

O Reino Unido abandonou a União Europeia em 31 de janeiro, após quase cinco décadas de uma união complicada, e durante o período de transição que termina no final do ano, negocia sua futura relação com Bruxelas.

Para que um tratado seja aprovado a tempo e entre em vigor em 1o de janeiro, quando chega ao fim o período de transição pós-Brexit, é necessário chegar a um acordo até o início de novembro.

csg/mar/zm/aa