Negociações sobre a Líbia terminam sem acordo sobre governo

·1 minuto de leitura
A enviada da ONU para a Líbia, Stephanie Williams
A enviada da ONU para a Líbia, Stephanie Williams

O diálogo político dos líbios iniciado na última segunda-feira na Tunísia, com a mediação da ONU, para designar um governo de união e encerrar uma década de conflito, terminou neste domingo sem acordo, anunciaram as Nações Unidas.

"Concordamos em nos reunir novamente, de forma remota, daqui a uma semana, para definir um mecanismo de escolha da futura autoridade", informou a enviada da ONU para a Líbia, Stephanie Williams.

Na agenda dos 75 delegados reunidos a convite da ONU nos arredores de Túnis estava previsto um acordo sobre as eleições nacionais e a nomeação do chefe de governo e de três membros de um conselho presidencial para formar um Executivo de união.

"Chegamos a um consenso sobre três documentos importantes: o roteiro, as prerrogativas das autoridades e os critérios de elegibilidade", declarou Stephanie, assinalando que "10 anos de conflito não se resolvem em uma semana".

cnp/roc/af/dga/lb