Negociações sobre programa nuclear iraniano serão retomadas em 29/11

·2 min de leitura
O negociador iraniano Ali Bagheri e o europeu Enrique Mora em Teerã, em 14 de outubro de 2021 (AFP/-)

As negociações para reviver o acordo sobre o programa nuclear do Irã serão retomadas em Viena no dia 29 de novembro, com a presença da China, França, Alemanha, Rússia e Reino Unido, anunciou a Comissão Europeia nesta quarta-feira (3).

A reunião será presidida pelo diplomata espanhol Enrique Mora, adjunto do chefe da diplomacia da UE, Josep Borrell, anunciou a Comissão Europeia em breve nota oficial.

"Os participantes darão prosseguimento às discussões sobre a perspectiva de um possível retorno dos Estados Unidos" ao acordo e formas de "como garantir a implementação plena e efetiva do acordo por todas as partes", acrescentou a Comissão.

China, Rússia, Estados Unidos, França, Reino Unido (potências nucleares) e Alemanha chegaram a um acordo com o Irã em 2015, o JCPOA.

Por meio desse acordo, o Irã prometeu interromper seu programa de enriquecimento de urânio e, em troca, a comunidade internacional retiraria gradualmente as sanções econômicas adotadas contra o governo de Teerã.

No entanto, em 2018, durante o governo de Donald Trump, os Estados Unidos retiraram-se do acordo e, em resposta, o Irã retomou suas operações de enriquecimento de urânio acima dos níveis definidos no acordo.

Desde então, as partes têm buscado ressuscitar o entendimento e discutir um eventual retorno de Washington à mesa de negociações.

Nesta quarta, os Estados Unidos disseram que poderiam chegar rapidamente a um acordo para reativar o pacto nuclear iraniano se Teerã for "sério" em suas intenções.

"Acreditamos que, se os iranianos forem sérios, poderemos fazer isso de forma relativamente rápida", declarou o porta-voz do Departamento de Estado, Ned Price, a repórteres.

Ele garantiu que apenas "um número relativamente limitado de questões" ainda estão "abertas", mas advertiu que a "janela não permanecerá aberta indefinidamente".

Já o principal negociador iraniano, o vice-chanceler Ali Bagheri, confirmou no Twitter que a retomada das negociações em 29 de novembro havia sido definida em conversa telefônica com Mora.

"Concordamos em iniciar negociações com o objetivo de eliminar as sanções ilegais e desumanas em 29 de novembro em Viena", escreveu o diplomata no Twitter.

ahg/mb/mr

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos