Nelson Piquet doa R$ 501 mil para campanha de Bolsonaro

Campanha de Bolsonaro já conta com R$ 1.171.435,88, segundo o TSE. REUTERS/Washington Alves
Campanha de Bolsonaro já conta com R$ 1.171.435,88, segundo o TSE. REUTERS/Washington Alves
  • Essa é a maior doação recebida pela campanha bolsonarista até o momento;

  • Bolsonaro já conta com R$ 1.171.435,88, segundo o TSE;

  • Na frente de Piquet está o a doação de R$ 10 milhões da direção nacional do PL.

O ex-automobilista Nelson Piquet doou R$ 501 mil para a campanha do presidente Jair Bolsonaro (PL), se tornando o maior doador da campanha. Essa é a maior doação recebida pela campanha bolsonarista até o momento. Somando os quatro maiores doadores, Bolsonaro já conta com R$ 941.000,88, segundo o site Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais do TSE. As informações são do UOL.

Na ordem, os doadores são:

  • Nelson Piquet Souto Maior: R$ 501 mil;

  • Gilson Lari Trennepohl: R$ 350 mil;

  • Ronaldo Venceslau Rodrigues da Cunha: R$ 60 mil;

  • Sergio Cardoso de Almeida Filho: R$ 30.000,88.

Ao todo, Bolsonaro recebeu R$ 1.171.435,88 em doações de ao menos quatro pessoas físicas até hoje. Na frente de Piquet está o a doação de R$ 10 milhões da direção nacional do PL.

Em entrevista para a Rede TV, Piquet, que também é empresário, falou a respeito da aproximação com o presidente. "Fiquei fã dele. Eu o conheci, ele me convidou para almoçar e a gente se deu bem. Nunca me envolvi em política na vida, hoje sou Bolsonaro até a morte. Se a gente não ajudar ele, se o povo não ajudar ele... eu acho que ele é a salvação do Brasil", disse.

Veja como foram as últimas pesquisas eleitorais de 2022: