Neoenergia arremata maior lote em leilão de projetos de transmissão de energia

Torre de transmissão de energia

SÃO PAULO (Reuters) - A Neoenergia arrematou nesta quinta-feira o lote 2 do leilão de transmissão de energia, o maior ofertado no certame, com lance de uma receita anual permitida (RAP) de 360 milhões de reais, o que representa um deságio de 50,33% ante o valor máximo de 724,7 milhões de reais estabelecido pelo regulador.

O lote 2 compreende linhas de transmissão entre Minas Gerais e São Paulo, somando 1.707 quilômetros de extensão. São estimados investimentos de 4,94 bilhões de reais no empreendimento, aumentando a capacidade de transmissão no Estado mineiro, que tem se tornado foco de projetos de geração solar fotovoltaica.

A elétrica controlada pela espanhola Iberdrola disputou ativo com outros nove grupos habilitados, incluindo as elétricas EDP Brasil e consórcios compostos por Equatorial e Mercury, por ISA Cteep e Taesa, e por Engie Brasil e Copel. Dois grupos se habilitaram para participar, mas não apresentaram proposta.

(Por Letícia Fucuchima)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos