Neste ano, o número de Bolsonaro é 22, mas nas redes, posts enganam com o de 2018

Presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) em evento em Juiz de Fora, Minas Gerais, em 16 de agosto de 2022 (Foto: Associated Press / Silvia Izquierdo)
Presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) em evento em Juiz de Fora, Minas Gerais, em 16 de agosto de 2022 (Foto: Associated Press / Silvia Izquierdo)
  • Uma pesquisa do BTG/FSB revelou que 10% dos eleitores de Bolsonaro erraram o seu número e 33% declararam não saber

  • Em meio a isso, publicações confundem eleitores do presidente ao divulgarem o código utilizado por ele em 2018

  • Nestas eleições, porém, Bolsonaro utiliza o 22, e não o 17, como espalham conteúdos enganosos

Com o início da campanha eleitoral na última terça-feira (16), publicações sobre o número utilizado pelo presidente e candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL) começaram a circular nas redes sociais. As postagens enganam ao mencionar o número 17, utilizado por ele em 2018. Neste ano, no entanto, o candidato adota o 22.

Os conteúdos variam entre publicações de apoiadores do ex-presidente que confundiram os números, até posts de opositores que brincam com a situação e que buscam enganar aqueles que pretendem votar em Bolsonaro.

De acordo com uma pesquisa do BTG/FSB divulgada na última segunda-feira (15), 10% dos eleitores de Bolsonaro erraram o seu número e 33% assumiram não saber. Dos que declaram voto no presidente, 45% acertaram o seu código de urna.

Em relação a Lula, 73% acertaram, 1% errou e 20% não sabiam seu número.

Colagem de duas capturas de tela de publicações que enganosamente atribuem a Bolsonaro o número 17 (Fotos: Twitter / Reprodução)
Colagem de duas capturas de tela de publicações que enganosamente atribuem a Bolsonaro o número 17 (Fotos: Twitter / Reprodução)

A informação, porém, de que o número de Bolsonaro nas urnas em 2022 será 17 é errada. O número foi utilizado por ele em 2018, quando foi eleito presidente pelo PSL (Partido Social Liberal).

Em 2022, no entanto, o presidente está filiado ao PL (Partido Liberal), cujo número é 22. As informações sobre a legenda e o número de Bolsonaro estão disponíveis no site oficial do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) de divulgação de candidaturas e contas eleitorais.

Combate à desinformação

Em 2018, erros como digitar o número do candidato à presidência no momento de votar para governador levaram eleitores a desconfiar das urnas eletrônicas e acreditar que os equipamentos estavam fraudados. Isso porque digitar um número que não corresponde a candidato algum leva a máquina a anular o voto do eleitor para aquele posto.

Situação semelhante poderia ocorrer neste ano, uma vez que não há candidatos com o número 17.

Nesta semana, o Aos Fatos informou em uma reportagem que o Twitter passou a excluir desde a última terça-feira (16) publicações que divulgam o número errado do presidente.

A decisão vai ao encontro do entendimento do TSE de combate à desinformação, Para o tribunal, conteúdos errados sobre a participação nas eleições devem ser combatidos.

Essa peça desinformativa também foi verificada pelo AFP Checamos.