Nestlé vai vender negócio de sorvetes Häagen-Dazs nos EUA por US$ 4 bilhões

Foto: Keith Mayhew/SOPA Images/LightRocket via Getty Images

A Nestlé venderá seu negócio de sorvetes nos EUA, que inclui a Häagen-Dazs, por US$ 4 bilhões em dinheiro, em um grupo de capital privado, criando um concorrente maior para a Unilever na categoria de sobremesas congeladas. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (11) pelo Financial Times.

SIGA O YAHOO FINANÇAS NO INSTAGRAM

BAIXE O APP DO YAHOO FINANÇAS (ANDROID / iOS)

Segundo o veículo, o acordo aumentará o tamanho e o alcance geográfico da Froneri, criada em 2016 quando a Nestlé fundiu alguns de seus negócios de sorvete na Europa com a R&R, empresa de propriedade do grupo de private equity PAI Partners.

Leia também

Desde então, as duas partes operam a Froneri como uma joint-venture, com a Nestlé e a PAI Partners, com sede em Paris, controlando participações acionárias de pouco menos de 50%, enquanto que os gestores da empresa detêm as demais ações.

A decisão é a mais recente tentativa de desinvestimento do executivo-chefe da Nestlé, Mark Schneider, que tenta reorganizar o portfólio da maior produtora de alimentos do mundo para lidar com as mudanças no gosto do consumidor.

Uma pessoa próxima ao acordo disse que levantou questões sobre o que a Nestlé faria com o restante de seus negócios de sorvete: “Isso significa que a Nestlé tem mais ou menos probabilidade de sair completamente? É razoável especular se eles estão comprometidos com o negócio de sorvetes a longo prazo. ”

De acordo com o FT, após o acordo, a Froneri terá vendas de aproximadamente 4,5 bilhões de euros por ano, contra 2,7 bilhões de euros registrados no ano passado, e 1 bilhão de euros em 2013, quando a PAI Partners comprou a empresa.