Netflix dá cupcakes em formato de vagina para fãs de 'Sex Education'

·2 minuto de leitura
São Paulo, SP, Brasil, 21-08-2019: Still Netflix  (foto Gabriel Cabral/Folhapress)
São Paulo, SP, Brasil, 21-08-2019: Still Netflix (foto Gabriel Cabral/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Inspirada pela personagem Aimee Gibs, interpretada pela atriz britânica Aimee Lou Wood na série "Sex Education", a Netflix resolveu fazer uma ação ousada nesta segunda-feira (27). A empresa distribuiu gratuitamente 10 mil cupcakes em formato de vagina em cinco capitais brasileiras.

Na terceira temporada da série, que estreou no último dia 17, a estudante está se tratando com uma terapeuta sexual depois de sofrer um assédio no transporte público nos episódios anteriores. Durante esse processo de autoconhecimento, ela acaba resolvendo lançar uma campanha.

Ela passa a fazer em casa cupcakes com diferentes formatos de vagina, e os leva para distribuir no colégio Moordale, onde os protagonistas estudam. A ideia dela é celebrar toda e qualquer forma como o aparelho reprodutor se apresenta sob o mote "Toda PPK é linda".

A ação da Netflix ocorreu nas cidades de Belém, Fortaleza, Maceió, Porto Alegre e São Paulo. Para solicitar um cupcake, os fãs precisavam entrar numa loja criada no aplicativo iFood e solicitar a entrega gratuitamente.

São três sabores para escolher: Tcheca de Laranja, Xana de Café e Canela e Larissinha de Chocolate. Todos já estão esgotados. Porém, a Netflix disponibilizou um site com as receitas para quem não conseguiu garantir sua unidade.

Também foi criado um site incentivando as mulheres a conhecerem as próprias formas. Nele, há link para uma "galeria de vulvas", com ilustrações e histórias reais sobre o assunto.

"Acreditamos que falar sobre a intimidade feminina é abrir espaço para quebra de tabus, e lembrar que todo corpo é lindo e merece ser celebrado", diz a empresa.

Para acessar, a sugestão é que os usuários sejam maiores de 18 anos ou tenham o consentimento de adultos responsáveis ("em algumas partes do mundo vulvas são consideradas conteúdo adulto", explica a empresa). Já a classificação indicativa da série é 16 anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos