Empresa de Neymar cobra R$ 3,5 milhões de empresas por causa de helicóptero

(Foto: Getty Images)

Um helicóptero está causando dores de cabeça para Neymar e seu staff. De acordo com reportagem do UOL Esporte, a empresa Power Aviation e a Tax Empreendimentos cobram na Justiça R$ 3,5 milhões da Neymar Sport, companhia do pai do jogador que cuida da gestão da carreira do craque do PSG.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM
SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

Esse valor seria um saldo residual da compra de um helicóptero em 2013. A aeronave, atualmente, está liberada para uso, mas a Receita bloqueou qualquer transação para venda.

Leia também:

Segundo o UOL Esporte, a Neymar Sport emprestou à Power Aviation  3,8 milhões de dólares (na época R$ 7,9 mi; hoje, R$ 16,6 mi). As empresas garantiram que devolveriam o dinheiro e deram o helicóptero (avaliado em R$ 13 mi nos dias de hoje). A aeronave passaria oficialmente para a empresa de Neymar caso o empréstimo não fosse devolvido até julho de 2014.

E foi isso que aconteceu. Restou, porém o saldo de 800 mil dólares, diferença entre o valor do empréstimo e o estabelecido em contrato para o helicóptero. Essa soma, corrigida, totaliza os R$ 3,5 mi que o pai de Neymar cobra das empresas na Justiça.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Flipboard | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter