Neymar: empréstimo com obrigação de compra ou reaproveitamento no PSG

Parte da torcida entoou, na primeira rodada da Ligue 1, cânticos direcionados até mesmo à mãe do brasileiro
Neymar durante treino do PSG (Aurelien Meunier/Getty Images)

O PSG começa a definir novas estratégias para tentar resolver o futuro de Neymar. A Goal apurou que os franceses ainda priorizam uma venda imediata e à vista, mas já começam a ver com bons olhos um empréstimo de uma temporada com obrigação de compra, num valor que pode atingir entre 220 e 250 milhões de euros.

Leonardo, diretor do clube parisiense, ficou de conversar ainda nesta semana com dirigentes de Barcelona, Real Madrid e até mesmo Juventus para atualizar a situação do craque brasileiro. A princípio, receber jogadores em troca numa eventual negociação continua fora dos planos.

Leia também:

Sem jogar, tendo apenas treinado nos últimos dias, Neymar continua decidido a sair, especialmente para o Barça. No entanto, com o término do mercado de transferências na Europa cada vez mais próximo (dia 2 de setembro), a direção trabalha para ter uma reunião com o atacante também nesta semana, com a presença do treinador alemão Thomas Tuchel.

No encontro, dirigente, treinador e jogador vão buscar a melhor ação a ser tomada caso uma negociação não venha a se concretizar. Existe, sim, a chance de o camisa 10 voltar a ser aproveitado no time, mas com a esperança de uma nova tentativa de saída no fim do ano.

Apesar de todo o imbróglio, nunca partiu do PSG o desejo de perder Neymar. Foi o próprio jogador que, ainda de férias no Brasil, em junho, pediu para ser negociado. Para piorar, ainda não se reapresentou na data combinada.

Siga o Yahoo Esportes

Twitter | Instagram | Facebook | Spotify | iTunes | Playerhunter