Nicette Bruno foi 'uma avó na ficção e na vida real pra mim', diz atriz que viveu Narizinho

Jan Niklas
·2 minuto de leitura
Renato Rocha Miranda / TV Globo

RIO — Acolhedora, generosa e dona de uma sabedoria ímpar em cena. Assim artistas e colegas que contracenaram com Nicette Bruno definem a atriz que morreu neste domingo aos 87 anos, após complicações da Covid-19.

A atriz e produtora Lara Rodrigues, que interpretou a personagem Narizinho quando Nicette deu vida a Dona Benta, em um de seus papeis mais marcantes, no ''Sítio do Pica Pau Amarelo'', de 2001 a 2004, lembra como Nicette era uma referência para todos por trás das câmeras.

— Ela foi uma avó na ficção e na vida real pra mim. Generosa em cena e na vida — conta Rodrigues. — Sempre fez com que eu me sentisse muito querida e me ensinou muito sobre o ofício que eu tanto amo.

Lara Rodrigues disse ainda que deixa seu "carinho, apoio e energia pra família e amigos" e lembrou da relação de amor de Nicette com o também ator Paulo Goulart, que faleceu em 2014.

— Seu Paulo com certeza deve estar matando as saudades agora desse amor de uma vida inteira que eles tiveram — afirmou.

Quem também lembra de Nicette como uma grande referência, tanto pelo talento quanto pela personalidade generosa, é a Patrycia Travassos, que viveu Ester, filha da personagem Branca interpretada por Nicette na novela "Bebê a bordo" (1988). Segundo a atriz, Nicette tinha um talento de mudar rapidamente de uma cena cômica para uma cena dramática.

— Era incrível a sabedoria dela em cena, a generosidade, a tranquilidade, o suporte que ela dava. Era uma operária da profissão. Tudo com ela ganhavam um peso, uma verdade — diz, emocionada, Travassos.

Outros artistas e personalidades famosas usaram as redes socias para lamentar a morte de Nicette Bruno e prestar homenagens. Em sua conta numa rede social, Ary Fontoura despediu, emocionado, da amiga e colega de profissão.

O cantor Fábio Júnior, que atuou com a atriz na novela "Louco amor"(1983) da TV Globo, agradeceu pela honra de ter trabalhado com ela e desejou conforto para a família.

"Siga em paz Nicette ! Que os “Amigos da Luz “ te recebam. Que Deus conforte o Brasil e sua família! Beijo grande pra Bárbara, Beth e Paulinho", escreveu o músico. "Que honra a minha trabalhar com essas GRANDES MULHERES!".