'Ninguém vetou ninguém', diz senador Alessandro Vieira sobre ausência do PT em atos

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO***BRASILIA, DF,  BRASIL,  12-05-2021, 10h00: CPI da COVID. O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) (no centro, em pé), com o presidente da CPI senador Omar Aziz (PSD-AM) e o vice, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). O ex secretário de comunicação do governo federal Fábio Wajngarten é ouvido na CPI da Covid, no Senado Federal, sobre o enfrentamento da pandemia da Covid-19 por parte do governo federal. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
***ARQUIVO***BRASILIA, DF, BRASIL, 12-05-2021, 10h00: CPI da COVID. O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) (no centro, em pé), com o presidente da CPI senador Omar Aziz (PSD-AM) e o vice, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). O ex secretário de comunicação do governo federal Fábio Wajngarten é ouvido na CPI da Covid, no Senado Federal, sobre o enfrentamento da pandemia da Covid-19 por parte do governo federal. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) afirmou que "ninguém vetou ninguém" em relação a ausência do PT e do ex-presidente Lula nos atos contra Jair Bolsonaro convocados por forças de centro-direita e direita.

Segundo o parlamentar, a recusa do partido do ex-presidente em aderir ao protesto é sintomática.

"Os chamados para a união de verdade sempre esbarram no personalismo", disse no fundo do trio elétrico que reuniu o pedetista Ciro Gomes e João Amoedo, do Novo, na avenida Paulista, em São Paulo.

Para Vieira, em outra alfinetada em Lula, "alguns se acham os donos da bola".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos