Niterói adia desfile das escolas de samba

A Prefeitura de Niterói decidiu, nesta quinta-feira, dia 12, adiar os desfiles das escolas de samba na cidade. A medida atende a pedidos das agremiações, depois do atraso nos pagamentos de subsídios acordados entre a Liga das Escolas de Samba de Niterói (Lesnit) e a Niterói Empresa de Lazer e Turismo (Neltur). O atraso na definição de um espaço de barracão para preparação das alegorias também dificultou o início dos preparativos para o carnaval deste ano. De acordo com o novo calendário, os desfiles acontecerão nos dias 24 e 25 de fevereiro. Antes, eles estavam programados para os dias 10 e 11 de fevereiro. A passarela do samba será a mesma do ano passado, o Caminho Niemeyer.

Aprovado: Escolas de Niterói aprovam nova Passarela do Samba no Caminho Niemeyer

Ensaio: Escolas de samba que desfilam em Niterói farão teste no Caminho Niemeyer

A Neltur também definiu que o barracão não será mais no galpão do antigo supermercado Carrefour, no Centro, como aconteceu em 2022, e estava previsto para se repetir este ano. Segundo a empresa, será adaptado um novo espaço, na Concha Acústica do bairro de São Domingos. Na última quarta-feira, dia 11, a equipe de reportagem esteve no galpão do antigo Carrefour e encontrou homens desmontando a estrutura metálica do telhado, alegorias antigas abandonadas, poças d'água e muita sujeira.

O adiamento dos desfiles se dá em meio a sucessivos atrasos nos pagamentos de auxílio financeiro para as escolas. A prefeitura prometera pagar o subsídio em duas parcelas, sendo a primeira no fim de nove

mbro do ano passado e a segunda um mês depois. No entanto, o acordo não foi cumprido, e a verba só começou a ser liberada, em parcela única , no dia 4 de janeiro. Mesmo assim, das 23 escolas de Niterói, quatro não receberam o dinheiro no início do mês porque havia pendências em sua documentação de prestação de contas referente ao carnaval de 2022.

Pelo acordo feito entre as escolas e a prefeitura, as agremiações do grupo A têm direito a R$ 172 mil cada. Já as do grupo B recebem R$ 96 mil cada; e as do grupo C, R$ 54 mil.

Segundo o novo calendário, na sexta-feira, dia 24 de fevereiro, vão se apresentar ao público as agremiações do Grupo A. No sábado, dia 25, será a vez das escolas dos grupos B e C.