Nizo Neto lembra os 5 anos da morte do filho e encontro com a atriz Leona Cavalli após tragédia: 'Sem noção'

·2 minuto de leitura

O mês de março não é fácil para a família do humorista Nizo Neto. Há cinco anos, o filho de Chico Anysio , que fez sucesso como Seu Ptolomeu na "Escolinha", perdeu o filho Rian de forma trágica, aos 26 anos. O rapaz foi encontrado sem vida na Praia de Quissamã, município do Rio, depois de alguns dias desaparecido. Na época, tanto Nizo quanto a ex-mulher, a atriz e cantora Brita Brazil, associaram a morte do filho à mudança de comportamento dele após o consumo do chá de Ayahuasca.

"A história do meu filho foi uma coisa absurda, é a vida na contramão. Não é o que a gente espera para gente, e ainda assim de uma maneira tão trágica. Rian tomou o chá de Ayahuasca e pirou, teve um surto psicótico. Ele entrou num processo de anorexia e não queria mais comer. Foi internado numa clínica psiquiátrica. Ele não tomava nada nem chope. Mas numa busca espiritual foi tomar o chá e teve um surto. Foram apenas quatro doses", disse Nizo ao podcast "Inteligência Ltda", que lembrou também as críticas que recebeu:

"Sei que o chá é usado em rituais religiosos, mas eu tinha que fazer esse alerta. Tem gente que toma a vida inteira e não acontece nada. A quarta dose para o meu filho foi devastadora. Recebi muita solidariedade, mas também muitas ofensas por isso".

Leia também: Filha de Gerson Brenner faz vaquinha na web para comprar carro adaptado para o pai

Encontro com atriz

Durante a entrevista, Nizo Neto citou também o encontro que teve com Leona Cavalli, após a morte do filho. A atriz era uma das fundadoras do Porta do Sol, lugar que Rian passou a frequentar para tomar o chá. Na ocasião, Leona foi alvo de críticas dos pais do rapaz, mas se defendeu, alegando tratar-se de "um sacramento regularizado no Brasil e inscrito no Congresso Nacional Antidrogas" e que o filho do humorista chegou ir acompanhado da mãe ao local.

"Eu estava numa estreia no Rio e ela veio falar comigo, dizendo que tinha ficado muito chata a situação e que tinha sido muito difícil para ela. Aí eu disse: 'peraí, você não é mãe, né? Foi muito difícil para você? Para sua carreira? Meu filho morreu'. Total sem noção", disse Nizo, citando o desconforto da situção.