No 2º ano da pandemia, 26% dos professores não tinham recebido nenhuma ajuda para ensinar de casa

Mesmo no final do segundo ano da pandemia, um a cada quatro professores do país não recebeu nenhum tipo de apoio da escola ou rede de ensino para realização das atividades educacionais digitais, informa a pesquisa TIC Educação 2021, lançada nesta terça-feira, pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br). Com isso, práticas de virtualização foram incorporadas nas escolas, mas sem a infraestrutura adequada nem na casa dos professores, nem na dos alunos e nem na escola.

De acordo com o levantamento, a proporção de professores que utilizaram tecnologia para tirar dúvidas, disponibilizar conteúdo, receber lições e avaliar desempenho ficou entre 75% e 84% dependendo da atividade.

No entanto, 26% dos professores do país afirmam que não receberam nenhum tipo de ajuda da escola ou das redes de ensino para atividades educacionais remotas ou híbridas. Considerando apenas as redes municipais, esse índice sobe para 34%.

— O que nos surpreende é que, num segundo ano de pandemia, a gente teve a persistência das dificuldades encontradas no ano passado em relação ao uso das tecnologias. Entre elas, estão dificuldades encontradas pelos pais para apoiar os alunos nas atividades escolares, falta de dispositivo e acesso à internet nos domicílios dos alunos e aumento da carga de trabalho dos professores — afirmou Daniela Costa, coordenadora da pesquisa.

Além disso, o apoio mais comum foi acesso gratuito a aplicativos, plataformas e recursos educacionais digitais on-line. Segundo a pesquisa, 60% dos professores tiveram esse tipo de apoio.

Já na escola, baixa velocidade de conexão à internet e número insuficiente de computadores por aluno são apontados por mais de 90% dos professores como barreiras para o uso de tecnologias de informação e comunicação da escola. Além disso, metade dos professores afirmaram que seus alunos não utilizavam nenhum equipamento digital no colégio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos