No banco e rindo de derrota, Bale pode fechar seu ciclo no Real Madrid do pior jeito possível

O Real Madrid se despediu de 2018/2019 com uma nova derrota no Santiago Bernabéu. A equipe, agora, foi derrotada por 2 a 0 para o Real Betis. Ym encontro que provavelmente serviu para acabar com a passagem de Gareth Bale pelo clube da pior maneira possível.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e teste grátis o serviço por um mês!

Ao lado de Toni Kroos, o galês protagonizou uma cena que não agradou aos torcedores do clube espanhol. Ambos foram flagrados pelas câmeras da transmissão rindo no banco de reservas.

O alemão fez um comentário ao colega de elenco tampando a boca e, na sequência, a dupla começou a gargalhar.

Gareth Bale Toni Kroos Real Betis Real Madrid La Liga

(Foto: Frame ESPN Brasil)

Não é a primeira imagem polêmica protagonizada por Gareth Bale na reta final da temporada. Em Vallecas, depois do jogo contra o Rayo Vallecano, ele não voltou no ônibus da delegação.

Na contramão de uma possível chegada de Eden Hazard ao estádio Santiago Bernabéu, o galês Gareth Bale está perto de deixar o clube espanhol. O jogador não goza de prestígio com a comissão técnica de Zinedine Zidane.


Zinedine Zidane se manifestou sobre o atacante galês. Ao fim do jogo ocorrido na manhã deste domingo (19), o técnico foi perguntado sobre o atleta que deve deixar o estádio Santiago Bernabéu ao fim da atual temporada.

"Não sei o que vai acontecer [com ele]. Contei com outros jogadores, como ficou claro. Se hoje tivesse trocado outro atleta, aconteceria o mesmo. Não é a situação. Estou tomando decisões. Para o próximo ano, pode acontecer tudo. Se o Bale vai ficar? Veremos", declarou.

"Ele não jogou, porque outros jogaram, nada além disso", comentou. "Sinto pelo fato de ele não ter minutos no jogo de hoje. Porém, é que ninguém sabe o que vai acontecer no futuro. E eu tenho que ver o dia a dia. Quando há algo que não gosto, tenho que fazer as coisas como eu vejo. Quando você vê assim, é complicado para um jogador que já fez muito aqui. Vivemos de presente e futuro. Não nos esquecemos do passado, mas tenho que viver o presente".