No 'BBB21', Karol Conka critica jogo de Thelma e Rafa Kalimann se irrita: 'Não aguento mais'

Extra
·1 minuto de leitura

Durante uma conversa com Lumena e João Luiz, no "Big Brother Brasil 21", Karol Conká fez uma análise sobre o racismo no Brasil e como isso interfere no jogo. Um de seus exemplos foi a forma como Thelma Assis, campeã do "BBB20", jogou apoiada em amigas brancas. A forma como a cantora de rap falou, andou irritando pessoas fora da casa.

"O Brasil é um país racista. Fico preocupada, adoram colocar pretinho no chinelo, lá embaixo. Quem protegeu a Thelma na outra edição foi Manu, Rafa e ela mesma. Só que ela nao conseguiu sozinha se proteger. Tinha que ter os amigos brancos por ela. Eu não tenho amigas brancas aqui por mim", disse Karol Conká.

Rafa Kalimann saiu em defesa de Thelminha e criticou a atual confinada.

"Thelma chegou onde chegou porque é forte, soube respeitar e se posicionar, fez um jogo lindo e de muito orgulho, representou. Esse mérito é dela. Não aguento mais ouvir os absurdos vindos dessa mulher. Nem tente se comparar com a postura e índole da Thelminha", disse Rafa.

Thelma não se posicionou até o fechamento desta reportagem.