No Dia do Orgasmo, relembre cenas de sexo inesquecíveis das novelas

Novela não é novela sem um bom romance para acompanhar. Mas, além dos casais que encantam o público pelo amor, também há aqueles que chamam atenção pela química. A cada ano, a TV vem mostrando cada vez mais cenas íntimas nas telinhas, que também repercutem muito nas redes sociais. Na data em que celebramos o dia do orgasmo (31 de julho), relembramos algumas tramas inesquecíveis com belas cenas de sexo. Confira:

"Pantanal"

Foi depois de uma conversa com Velho do Rio (Osmar Prado), em que o ancião pede para que ela lhe dê um bisneto, que Juma (Alanis Guillen) cedeu à ideia de se entregar por inteiro a Jove (Jesuita Barbosa) e engravidar dele, em “Pantanal”. A cena da primeira transa do casal foi dentro do rio.

"Verdades secretas"

"Verdades secretas" e sua continuação foram dois grandes sucessos da Globo.A novela teve como chamariz as cenas de sexo e nudez. São várias as modalidades praticadas: sexo no estacionamento, no carro, ménage à trois, sadomasoquismo... São sequências quentes e também muito performáticas e coreografadas. Na segunda temporada da trama, Giovanna (Agatha Moreira) e Angel (Camila Queiroz) protagonizam uma pegação quente, numa das sequências mais longas de sexo da dramaturgia brasileira. A sequência durou em torno de oito minutos.

"Liberdade, liberdade"

"Liberdade, liberdade" marcou um ineditismo: a primeira cena de sexo entre dois homens na TV aberta brasileira. No dia 12 de julho de 2016, os personagens André (Caio Blat) e Tolentino (Ricardo Pereira) tiveram relação sexual e entraram para a história.

"Saramandaia"

No remake de "Saramandaia", que foi ao ar em 2013, Marcina (Chandelly Braz) arde de paixão por João Gibão (Sérgio Guizé), que tem um par de asas. A jovem, que provoca queimaduras com o calor do corpo, quer se entregar a João, mas ele a evita. A cena na qual eles finalmente conseguem se amar é quase épica, com João Gibão e Marcina estando nus, no meio do mato e da chuva.

"Gabriela"

Com cheiro de cravo e cor de canela, Gabriela (Juliana Paes) é uma mulher de natureza livre e impulsiva. Pouco tempo após sua chegada em Ilhéus, ela é a mulher mais desejada, despertando a fantasia dos homens da cidade. Com Nacib (Humberto Martins), a personagem de Juliana Paes protagoniza belas cenas de amor e sexo.

"O astro"

Remake da clássica trama escrita por Janete Clair em 1977, “O astro” inaugurou o horário de novela das 11 da Globo. Adaptada por Alcides Nogueira e Geraldo Carneiro, a história, com 64 capítulos, fez sucesso quando foi exibida em 2011 e foi marcada por cenas picantes. A trama girava em torno de Herculano Quintanilha (Rodrigo Lombardi, na foto com Guilhermina Guinle), um ilusionista que conquistava fama e fortuna com seus truques de mágica, e teve um mistério: quem matou o ricaço Salomão Hayalla (Daniel Filho)?

"Pedra sobre pedra"

Jorge Tadeu, interpretado por Fábio Júnior, nem mesmo depois de morto abriu mão do que mais gostava, levar as mulheres da cidade para a cama, fossem comprometidas ou não. Ele foi assassinado no 30º capítulo para comoção geral da mulherada. Porém uma árvore que ele costumava regar com a própria urina gerava flores que, quando comidas, faziam o serelepe espírito voltar em carne e osso. Além de Francisquinha (Arlete Salles), Jorge Tadeu também fazia a alegria de Ximena (Nívea Maria), Rosemary (Elizângela), Suzana (Isadora Ribeiro) e até Hilda Pontes (Eva Wilma), a esposa do poderoso Murilo Pontes (Lima Duarte), uma espécie de coronel de Resplendor. A briga entre os Pontes e os Batista pelo poder local era o fio condutor da trama, exibida originalmente em 1992.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos