No Maracanã, Flamengo presta um minuto de silêncio em homenagem a Marília Mendonça

·1 min de leitura

Antes de iniciar a partida contra o Atlético-GO, o Flamengo homenageou a cantora e compositora Marília Mendonça, morta nesta sexta-feira, 5, aos 26 anos, em um acidente aéreo em Minas Gerais. Momentos antes do jogo, o rubro-negro carioca promoveu um ato em reflexão à tragédia.

Nos telões do Maracanã, a mensagem: “Um minuto de silêncio em homenagem a Marília Mendonça”. A artista era torcedora do clube carioca.

Mais cedo, por meio do Twitter, o time já havia lamentado o ocorrido.

“O Clube de Regatas do Flamengo lamenta profundamente a morte da cantora rubro-negra Marília Mendonça, vítima de um acidente aéreo em Minas Gerais. Muita força aos familiares, amigos e fãs neste momento tão triste. Descanse em paz, Marília”, postou o rubro-negro.

A cantora viajava para um show em Caratinga. O acidente ocorreu por volta das 15h30, segundo a corporação. O avião caiu próximo à Pousada Rodrigo Godinho, na zona rural Piedade de Caratinga. Além da cantora, as outras quatro pessoas que estavam no voo morreram.

A aeronave é um bimotor Beech Aircraft, da PEC Táxi Aéreo, de Goiás, prefixo PT-ONJ. O avião foi fabricado em 1984 e tem capacidade para seis passageiros.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos