Norueguês dá 'aula' de honestidade e abre mão de medalha na canoagem

Momento da prova em que houve a irregularidade (Foto: Instagram)

Ainda existem exemplos de honestidade no mundo. A Federação Internacional de Canoagem divulgou nesta quarta-feira que legítimo ganhador da medalha de bronze da prova de 5 mil metros no campeonato mundial da categoria deste ano foi o espanhol Javier Hernanz, e não o norueguês Eivind Vold, como estava. Detalhe: foi o próprio Vold que pediu a revisão de sua medalha para o espanhol.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

“Reconheço que Hernanz é o legítimo ganhador do bronze. Ninguém se deu conta do erro que cometi quando não passei pela sexta boia no último giro da prova”, admitiu o norueguês.

Texto do norueguês em que reconhece o erro (Foto: Instagram)

Leia mais:

– Diego Alves exalta atuação do Fla contra o Cruzeiro 

– Especialistas comentam sobre expectativa de brasileiros na Europa 

– CR7 vai marcar toneladas de gols pela Juve, diz Camoranesi

O espanhol estava na terceira colocação e com chances de vitória quando sofreu um “impacto” de Vold, que assumiu a posição de Hernanz.

A própria federação norueguesa e o atleta enviaram outro documento pedindo a desclassificação de Vold em favor do espanhol e se desculpando “por receberem a medalha de bronze diante do público espanhol”.  O documento é concluído com a frase “por um jogo limpo e justo”.