Nos Estados Unidos, agência reguladora concede autorização de uso de emergência de Remdesivir contra Covid-19

O presidente Donald Trump afirmou nesta sexta-feira que a Food and Drug Administration (FDA) concedeu autorização para a Gilead Sciences Inc para uso de emergência de seu antiviral Remdesivir aos pacientes em tratamento de Covid-19.

O anúncio ocorreu durante uma reunião no Salão Oval no qual participaram o presidente americano e o executivo-chefe da Gilead, Daniel O'Day, que chamou a medida de um primeiro passo muito importante e disse que a empresa estava doando 1 milhão de frascos da droga para ajudar os pacientes.

Este medicamento já vinha sendo testado nos Estados Unidos por vários laborátorios. A Gilead investiu cerca de US$50 milhões em testres preliminares. E os resultados mostraram que o Remdesivir diminuiu o tempo de internação dos pacoentes de 15 para 11 dias.