Nota de R$ 1 autografada por FHC é leiloada por R$ 16 mil

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Nota de R$ 1 autografada por FHC é leiloada por R$ 16 mil. (Foto: Renato S. Cerqueira/Futura Press/Maio de 2018)
Nota de R$ 1 autografada por FHC é leiloada por R$ 16 mil (Foto: Renato S. Cerqueira/Futura Press/Maio de 2018)
  • Além de FHC, a equipe que gestou o Plano Real também assinou a cédula;

  • A peça foi arrematada na semana passada durante um evento que celebrou o aniversário de 28 anos da moeda;

  • A economista Luciana de Oliveira Hall arrematou a peça, que estava emoldurada.

Uma nota de R$ 1 autografada pelo pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) e por membros da equipe que gestou o Plano Real foi leiloada pelo valor de R$ 16 mil. A peça foi arrematada na semana passada durante um evento que celebrou o aniversário de 28 anos da moeda no país.

O alto valor pago pelo item é devido ao Plano Real ser um marco na história econômica brasileira, uma vez que foi o responsável por controlar a hiperinflação que assolava o país até o momento de sua implantação em 1994. Também assinaram a cédula: Os ex-presidentes do Banco Central Persio Arida, Gustavo Franco e Pedro Malan e os economistas Edmar Bacha e Rubens Ricupero.

A economista Luciana de Oliveira Hall arrematou a peça, que estava emoldurada. Além do leilão, o evento do Livres ainda contou com uma roda de conversa sobre os desafios impostos pela inflação em 2022 e possíveis soluções para combatê-la.

"Com o aumento da inflação, resultante da irresponsabilidade fiscal, é preciso resgatar a importância do Plano Real, que foi uma das maiores políticas sociais da história do Brasil, permitindo que milhões de famílias tivessem autonomia sobre o próprio dinheiro", afirma o diretor-executivo do Livres, Magno Karl.

"Nos distanciamos desse plano e estamos em maré oposta: inflação, miséria, desigualdade, desarranjo fiscal e instituições frágeis como herança deste governo", completou o dirigente, em referência ao governo de Jair Bolsonaro (PL).

Cenário de Implantação do Plano Real

Em 1 de julho de 1994, começava a circular no país o Real (R$), a nova moeda brasileira fomentada pelo Plano Real, lançado, oficialmente, no dia anterior. CR$ 2.750,00 passava a valer então R$ 1,00.

O programa foi a mais ampla medida econômica já implementada no Brasil e tinha como objetivo principal o controle da hiperinflação que assolava os brasileiros até então. Naquele 1994, a inflação acumulada até julho foi de 815,60%; a primeira inflação registrada sob efeito da nova moeda foi de 6,08%, mínima recorde em muitos anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos