Notícias do dia - O que você precisa saber para começar a terça

Redação Notícias
·4 minuto de leitura
Hospital Puc de Campinas (SP), Brazil on October 2, 2020 will receive doses of the new vaccine against coronavirus (covid-19) from the American company Johnson & Johnson, which will be tested on 1,000 volunteers from the Campinas region. The difference with this vaccine is that it will be a single dose. (Photo: Leandro Ferreira/Fotoarena/Sipa USA)(Sipa via AP Images)
Hospital da Campinas se preparando para receber doses de vacina contra o coronavírus (Leandro Ferreira/Fotoarena/Sipa USA)(Sipa via AP Images)

Covid-19: Brasil tem 231 mortes em 24h, Anvisa suspende testes da CoronaVac por 'evento adverso grave', Covid-19: estudo diz que vacina da Pfizer é mais de 90% eficaz, Governo ignorou proposta da Pfizer para compra da vacina, Biden diz que vacina contra Covid-19 será gratuita, MP: Queiroz usou caixa 2 em campanha de Flávio, Moro, Huck e Doria articulam frente para eleição de 2022, Maia chama Moro de 'extrema direita' e diz que n chance de apoiar chapa com ex-ministro é 'zero', Mourão garante que Bolsonaro vai cumprimentar Biden por vitória "na hora certa", Candidato é baleado durante transmissão ao vivo na Grande São Paulo e MP: Queiroz usou caixa 2 em campanha de Flávio.

Confira o que você precisa saber para começar a terça-feira, dia 10 de novembro de 2020:

Covid-19: Brasil tem 231 mortes em 24h

O Brasil registrou 231 novas mortes pelo novo coronavírus e 10.917 novos casos da doença nesta segunda (9). Com isso, o total de mortos chegou a 162.015 e o de casos a 5.675.032, de acordo com o painel atualizado pelo Conass (Conselho Nacional dos Secretários de Saúde), um sistema próprio de informações que reúne dados de contaminados e de óbitos em contagem paralela à do governo. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Anvisa suspende testes da CoronaVac por 'evento adverso grave'

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou na noite desta segunda-feira (9) a suspensão temporária do ensaio clínico da CoronaVac, vacina contra o coronavírus produzida pela empresa chinesa SinoVac e testada pelo Instituto Butatan, por causa de um “evento adverso grande”. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Covid-19: vacina da Pfizer é mais de 90% eficaz, diz estudo

A vacina contra o coronavírus da Pfizer, desenvolvida em parceria com a alemã BioNTech é mais de 90% eficaz no combate à doença. De acordo com dados iniciais do estudo da fase 3 — a última fase dos experimentos —, divulgados nesta segunda-feira (9), as farmacêuticas até agora não encontraram nenhuma preocupação séria de segurança. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Governo ignorou proposta da Pfizer para compra da vacina

Em entrevista à revista Veja, Carlos Murillo, CEO da Pfizer Brasil, afirmou que a empresa enviou uma proposta de fornecimento da vacina contra o coronavírus ao governo do presidente Jair Bolsonaro, em agosto, e que nunca recebeu resposta. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Eleito nos EUA, Joe Biden diz que vacina contra Covid-19 será gratuita: 'Vamos seguir a ciência'

Eleito presidente dos Estados Unidos, Joe Biden afirmou nesta segunda-feira (9) que uma possível vacina contra a Covid-19 no país será gratuita. Em discurso, ele ainda fez um apelo aos norte-americanos para que usem máscara e prometeu que seu governo irá “seguir a ciência”. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Moro, Huck e Doria articulam frente para eleição de 2022

Para 2022, a articulação de centro-direita política inclui três nomes: João Doria, Luciano Huck e Sergio Moro. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, na primeira quinzena de setembro, o governador tucano de São Paulo recebeu em sua casa o ex-ministro da Justiça e sua mulher, Rosângela. Os principais assuntos do encontro foram a conjuntura política e a necessidade da união de nomes para fazer frente principalmente ao presidente Jair Bolsonaro. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Maia chama Moro de 'extrema direita' e diz que n chance de apoiar chapa com ex-ministro é 'zero'

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou, nesta segunda-feira (9), que as chances de apoiar uma chapa à Presidência da República em 2022 com o ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, é “zero”. Segundo ele, um dos motivos seria porque Moro é de “extrema direita”. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

MP: Queiroz usou caixa 2 em campanha de Flávio

O policial militar aposentado, Fabrício Queiroz, pagou com dinheiro de caixa 2 pelo menos quatro cabos eleitorais da campanha de Flávio Bolsonaro em 2018. As informações são do UOL. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Mourão garante que Bolsonaro vai cumprimentar Biden por vitória "na hora certa"

O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou nesta segunda-feira que o presidente Jair Bolsonaro irá cumprimentar o presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, "na hora certa", e que deve esperar o final de processo de judicialização do resultado que o atual presidente, Donald Trump, promete promover. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Candidato é baleado durante transmissão ao vivo na Grande São Paulo

Ricardo de Moura (PL), de 40 anos e candidato a vereador em Guarulhos (SP), foi baleado ao vivo durante uma transmissão ao vivo pela internet nesta segunda (9). Ele está “estável e consciente”, afirma a Secretaria Estadual de Saúde. LEIA A MATÉRIA COMPLETA