Notícias do dia - O que você precisa saber para começar a quarta

Redação Notícias
·4 minuto de leitura
An employee picks up a vial containing CoronaVac, Sinovac Biotech's vaccine against the coronavirus disease (COVID-19), at Butantan biomedical production center in Sao Paulo, Brazil January 12, 2021. REUTERS/Amanda Perobelli
Funcionária organiza frascos com a CoronaVac no laboratório do Instituto Butantan, em São Paulo (REUTERS/Amanda Perobelli)

Covid-19: Brasil registra 1.110 mortes em 24 horas, Eficácia geral da CoronaVac é de 50,4% no estudo feito pelo Butantan no Brasil, Especialista “traduz” resultados da CoronaVac: “Para uma vacina desenvolvida em um ano, acho um espetáculo”, Pesquisadores encontram variante inédita do novo coronavírus com origem no Amazonas, Ministério da Saúde pressiona por uso de cloroquina em Manaus, Ministério da Saúde desiste de vermífugo que dizia ser eficaz, Governo terá de explicar sigilo de 100 anos no cartão de vacinas de Bolsonaro e Clã Bolsonaro venceu 95% das eleições que disputou com urnas eletrônicas.

Confira o que você precisa saber para começar a quarta-feira, dia 13 de janeiro de 2021:

Covid-19: Brasil registra 1.110 mortes em 24 horas

O Brasil registrou 1.110 novas mortes pelo novo coronavírus e 64.025 casos da doença nesta terça (12). Com isso, o total de mortos chegou a 204.690 e o de casos a 8.195.637, de acordo com o painel atualizado pelo Conass (Conselho Nacional dos Secretários de Saúde), um sistema próprio de informações que reúne dados de contaminados e de óbitos em contagem paralela à do governo. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Eficácia geral da CoronaVac é de 50,4% no estudo feito pelo Butantan no Brasil

A CoronaVac, vacina contra Covid-19 desenvolvida pelo Instituto Butantan e pelo laboratório chinês Sinovac Biotech, atingiu uma eficácia geral de 50,38%. O patamar atingido está acima dos 50% mínimo determinado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para aprovação em caráter emergencial. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Especialista “traduz” resultados da CoronaVac: “Para uma vacina desenvolvida em um ano, acho um espetáculo”

O cardiologista Marcio Bittencourt classificou os resultados como “muito bons”, mesmo com as limitações. Ele ainda apontou a vantagem da CoronaVac, de ser mais fácil de transportar e não precisar de refrigeradores especiais, como a vacina da Pfizer. “O que eu acho? Para uma vacina desenvolvida em um ano, que pode ser produzida em larga escala localmente, distribuída facilmente sem problemas, acho um espetáculo. Sim, tem coisa que na pesquisa foi melhor, mas se você não consegue distribuir não adianta nada”, destacou nas redes sociais. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Pesquisadores encontram variante inédita do novo coronavírus com origem no Amazonas

Pesquisas da FioCruz (Fundação Oswaldo Cruz) Amazônia indicam que a nova variante do novo coronavírus encontrada em pacientes japoneses tem origem no estado do Amazonas. As mutações inéditas do vírus criaram o que deve ser uma nova linhagem brasileira. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Ministério da Saúde pressiona por uso de cloroquina em Manaus

O Ministério da Saúde tem pressionado a Prefeitura de Manaus a distribuir remédios sem eficácia comprovada para tratar seus pacientes, como cloroquina e ivermectina. A pasta chefiada pelo general Eduardo Pazuello considera “inadmissível” não utilizá-las, conforme documento enviado para a secretaria municipal de Saúde de Manaus. O ministério pediu também autorização para fazer uma ronda nas Unidades Básicas de Saúde para encorajar o uso das medicações. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Ministério da Saúde desiste de vermífugo que dizia ser eficaz

Divulgado pelo governo federal como um medicamento eficaz contra a Covid-19, o vermífugo nitazoxanida, conhecido comercialmente como Annita, não será adquirido pelo Ministério da Saúde. A pasta informou que não há planos para disponibilizar o medicamento na rede pública de saúde. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Coronavírus circulava no ES antes de 1º caso na China

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) do Espírito Santo realizou um estudo que revelou a existência de um possível caso de Covid-19 no estado já no final de 2019, portanto, antes de ter sido oficialmente anunciada pelo governo da China, em 31 de dezembro de 2019. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Mais de 50 mil empregos devem ser afetados pela Ford

Na avaliação de entidades sindicais brasileiras, o impacto do fechamento de todas as três fábricas da montadora americana Ford no Brasil deve ser muito maior do que os 5 mil empregos diretos cortados com o encerramento das atividades, que deve se completar até o final deste ano de 2021. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Governo terá de explicar sigilo de 100 anos no cartão de vacinas de Bolsonaro

A Justiça Federal do Distrito Federal deu um prazo de 72 horas para que o Palácio do Planalto preste explicações sobre as razões de aplicar um siglo de 100 anos em cima do cartão de vacinação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Clã Bolsonaro venceu 95% das eleições que disputou com urnas eletrônicas

A urna eletrônica, constantemente desacreditada pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seguidores, começou a ser usada no Brasil em 1996. Desde então, Bolsonaro e os filhos disputaram, ao todo, 20 eleições. Em 19 ocasiões, foram eleitos para os cargos que tentaram. Desta forma, a família tem 95% de aproveitamento em eleições com urna eletrônica. LEIA A MATÉRIA COMPLETA