Notícias do dia - O que você precisa saber para começar a quinta

Redação Notícias
·4 minuto de leitura
A healthcare worker sanitizes the inside of an ambulance that transported a patient suspected of having COVID-19 to the HRAN public hospital in Brasilia, Brazil, Wednesday, April 14, 2021. (AP Photo/Eraldo Peres)
Profissional da Saúde trabalha em ambulância de Hospital de Brasília (AP Photo/Eraldo Peres)

Covid-19: Brasil registra 3.163 mortes em 24 horas, Raio-X da CPI: As possíveis 23 acusações contra Bolsonaro, CPI da Covid vai ouvir Pazuello, Teich e Mandetta na próxima semana, São Paulo negocia com Cuba compra de vacina, SP: mortes de idosos por Covid caem 90%, Mourão tenta minimzar atrito de Guedes com China, STF determina que Censo 2021 seja realizado e STF aceita denúncia e deputado Daniel Silveira vira réu.

Confira o que você precisa saber para começar a quinta-feira, dia 29 de abril de 2021:

Covid-19: Brasil registra 3.163 mortes em 24 horas

O Brasil registrou 3.163 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com dados do Ministério da Saúde divulgados nesta quarta-feira (28). Com isso, o país chega a marca de 398.185 óbitos decorrentes do coronavírus. Foram registrados também 79.726 novos casos de Covid-19, com o total chegando a 14.521.289 registros no país. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Raio-X da CPI: As possíveis 23 acusações contra Bolsonaro

A CPI da Covid foi instalada nesta terça-feira (27), quando foram escolhidos oficialmente presidente, vice-presidente e relator da comissão. O governo conta com apenas 4 aliados entre os 11 membros titulares. A presidência ficou nas mãos de Omar Aziz (PSD-AM), que se diz independente, mas possui boa relação com o governo. A relatoria ficou a cargo de Renan Calheiros (MDB-AL), que segue linha de oposição ao governo federal. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

CPI da Covid vai ouvir Pazuello, Teich e Mandetta na próxima semana

Senadores independentes e da oposição definiram na noite desta quarta-feira o cronograma de convocações da CPI da Covid para os próximos dias. O colegiado deve começar ouvindo os ex-ministros da Saúde do governo Jair Bolsonaro, Eduardo Pazuello, Nelson Teich e Luiz Henrique Mandetta; o atual ministro da pasta, Marcelo Queiroga; e o ex-secretário de Comunicação da Presidência, Fabio Wajngarten. O plano de trabalho será apresentado amanhã pelo relator Renan Calheiros (MDB-AL), durante reunião do colegiado. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

São Paulo negocia com Cuba compra de vacina

Secretária de Relações Internacionais da gestão Bruno Covas (PSDB), Marta Suplicy disse nesta quarta-feira (28) que a Prefeitura de São Paulo iniciou conversas com Cuba para negociar a compra da vacina Soberana 2, contra a Covid-19. A ex-prefeita ressaltou que as tratativas são iniciais, mas envolvem também a possibilidade de instalação de uma fábrica do imunizante na capital paulista. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

SP: mortes de idosos por Covid caem 90%

O número de idosos mortos em decorrência da covid-19 na cidade de São Paulo caiu 90% no mês de abril em comparação com março. As informações são da prefeitura da capital e foram divulgadas pelo UOL. Em todo o mês de março, 3.437 idosos morreram por covid-19 na capital paulista. Até o dia 26 de abril, foram 333 mortes. A queda é de 90%. Em janeiro, foram 1.362 mortes de idosos, enquanto em fevereiro foram 1.623 vítimas com mais de 60 anos. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Mourão tenta minimzar atrito de Guedes com China

Na manhã desta quarta-feira (28), o vice-presidente Hamilton Mourão minimizou a fala do ministro da Economia, Paulo Guedes, de que chineses inventaram coronavírus e que são donos de uma vacina menos efetiva do que a americana. “O chinês inventou o vírus, e a vacina dele é menos efetiva do que a do americano”, declarou Guedes, sem saber que estava sendo gravado, durante encontro do Conselho de Saúde Complementar, na terça-feira (27). LEIA A MATÉRIA COMPLETA

STF determina que Censo 2021 seja realizado

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta quarta-feira (28) que o governo federal tome as providências para realizar o Censo demográfico. A decisão atende a pedido do governo do Maranhão, que alegou que a falta de informações sobre a população brasileira traz prejuízos para as estatísticas do país. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

STF aceita denúncia e deputado Daniel Silveira vira réu

O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu nesta quarta-feira (28), por 11 votos a 0, tornar réu e abrir uma ação penal contra o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ). A corte também manteve, por 10 a 1, a prisão domiciliar do parlamentar. Nesse ponto, o ministro Marco Aurélio foi o único a divergir ao defender a liberdade de Silveira. LEIA A MATÉRIA COMPLETA