Notícias do dia - O que você precisa saber para começar o domingo (17)

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Brazilian Senators Omar Aziz (L) and Renan Calheiros (R), respectively chairman and rapporteur of the Parliamentary Commission of Inquiry that will investigate the government's handling of the coronavirus COVID-19 pandemic, are seen during a session at Brazilian Congress in Brasilia on May 27, 2021. (Photo by EVARISTO SA / AFP) (Photo by EVARISTO SA/AFP via Getty Images)
Omar Aziz e Renan Calheiros durante a CPI da Pandemia (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)

Projetos de lei, mudança na Constituição e indiciamento de Bolsonaro: O que Renan pede em seu relatório da CPI

Após mais de cinco meses de trabalhos, a CPI da Covid chega à reta final com um relatório cujo cerne aponta que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) adotou o negacionismo da pandemia não só como discurso retórico, mas como política pública de governo. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Bolsonaro chama Renan de 'bandido' e diz que senador 'está de sacanagem' com relatório de CPI

O presidente Jair Bolsonaro reagiu à decisão do senador Renan Calheiros (MDB-AL), relator da CPI da Covid, de propor seu indiciamento no relatório final do colegiado. Em conversa com apoiadores na noite desta sexta-feira (15), Bolsonaro chamou Renan de "bandido" e disse que ele "está de sacanagem" com seu relatório. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Variante delta torna imunidade coletiva impossível, diz responsável por vacina AstraZeneca

A variante delta tornou impossível o alcance da imunidade coletiva contra a covid-19, de acordo com o cientista Andrew Pollard, responsável pela vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e a farmacêutica AstraZeneca. Segundo Pollard, que é professor em Oxford, a variante, além de mais transmissível, tem a capacidade de infectar pessoas que já foram imunizadas. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

PCC nega participação em mortes na fronteira com Paraguai: "Prezamos a vida acima de tudo"

Integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital) negaram participação na chacina na fronteira entre Brasil e Paraguai, na última semana. A polícia paraguaia investigava se a facção criminosa teria agido na execução de cinco pessoas em menos de 24 horas na região. Entre as vítimas, está Farid Charbell Badaoui Afif (DEM-MS), de 37 anos, vereador de Ponta Porã, cidade sul-mato-grossense vizinha à paraguaia Pedro Juan Caballero. LEIA A MATÉRIA COMPLETA

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos