Nova decisão da justiça suspende eleição do Vasco a duas horas do fim da votação

Foto: Bruno Marinho
Foto: Bruno Marinho

Reviravolta de última hora na eleição do Vasco. O Superior Tribunal de Justiça (STJ), por meio do ministro e presidente Humberto Martins, aceitou pedido de tutela provisória e derrubou a decisão do desembargador Camilo Ribeiro Rulière que determinava a realização do pleito neste sábado. Com isso, a eleição do clube está suspensa.

A notícia chega a pouco mais de duas horas do fim da votação, marcada para as 22h. Leven Siano, Julio Brant, Alexandre Campello, Jorge Salgado e Sergio Frias concorrem à presidência do clube.

Mais informações em instantes.