Nova frente fria derruba temperatura e provoca ventania e chuva em várias regiões de SP

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRES) - Uma nova frente fria derrubou as temperaturas nesta quarta-feira (29) na capital paulista. Segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), órgão da prefeitura paulistana, na madrugada desta quarta, a temperatura mínima foi de 13°C, e a máxima não deve ultrapassar os 18°C. Mas os meteorologistas alertam: o frio mais intenso será registrado nesta quinta (30), quando os termômetros devem marcar em torno de 10°C de mínima não passando dos 14°C ao longo do dia, de acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meterologia). Os ventos podem atingir até 54 km/h na capital e no litoral. "Com ventos soprando mais forte e o tempo fechado, a sensação térmica será ainda mais baixa", diz Mamedes Melo, meteorologista do Inmet. A partir desta sexta (31), a frente fria começa a perder força, as temperaturas sobem, mas a previsão é de que as mínimas se mantenham baixas, ainda em torno de 10°C, prevê o Inmet. A massa de ar frio deve influenciar ainda a temperatura e a umidade do ar no Rio de Janeiro e no Espírito Santo enquanto se desloca para o oceano. Há previsão de chuvas na capital e nas regiões sul, sudeste, além do litoral do estado de São Paulo, mas elas não devem ser volumosas ou com trovoadas, a não ser na região sul e sudeste do estado, onde pode chover em torno de 20mm nesta quinta. O paulistano também deve sentir um alívio em relação à umidade do ar. "A frente fria vai amenizar o tempo seco em boa parte do estado, a não ser na fronteira com o triângulo mineiro, onde continua mais seco. A capital deve ficar bem úmida", diz Melo.