Nova Iguaçu: Rogério Lisboa se reelege no primeiro turno

·1 minuto de leitura
Foto: RePRODUÇÃO / Agência O Globo
Foto: RePRODUÇÃO / Agência O Globo

O prefeito de Nova Iguaçu, Rogério Lisboa (PP), se reelegeu no primeiro turno. Com mais de 94,93% das urnas apuradas, Lisboa lidera a disputa com 62,23% dos votos válidos. O candidato Max Lemos(PSDB) foi o segundo mais votado, com 13,73%, e Delegado Carlos Augusto (PSD) ficou em terceiro lugar, com 9,76%.

O resultado da votação deste domingo já havia sido antecipado pelas pesquisas de intenções de voto, que punham Lisboa numa liderança confortável, com mais de 60%. Em seguida vinham Delegado Carlos Augusto (PSD) e Max Lemos (PSDB), ambos na faixa dos 10%.

A menos de 40 horas das eleições, Lisboa chegou a ser afastado da prefeitura pelo Tribunal Regional Eleitoral. Ele foi condenado por ter omitido a contratação de carros de som das contas de campanha e por divulgar notícias injuriosas contra adversários na rede. A chapa vencedora em 2016 já havia sido condenada por abuso de poder econômico e caixa dois, mas o julgamento foi interrompido por causa da pandemia.

Lisboa recorreu da decisão do TSE e se manteve no cargo. A condenação não interferiu em sua candidatura nas eleições deste ano, que já tinha sido deferida.