Nova remessa de insumos de vacina contra a Covid-19 chega ao Rio de Janeiro

·1 minuto de leitura

RIO - Uma nova remessa de insumos que serão utilizados para a produção de doses da vacina da Oxford/AstraZeneca, contra a Covid-19, chegou no Rio de Janeiro no início da noite deste sábado, dia 27. O avião com os lotes do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), que será utilizado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), chegou por volta das 18h05 no Aeroporto Internacional do Galeão, por volta das 18h05, da companhia aérea de cargas Cargolux, proveniente de Luxemburgo, com passagem anterior por Xangai, na China. Antes de ser encaminhado para Fiocruz, os lotes vão ser inspecionados Receita Federal e vão direto para sede da fundação sob escolta da Polícia Federal.

O novo carregamento se junta a primeira remessa que desembarcou no Rio de Janeiro no dia 6 de fevereiro, para que sejam produzidas 15 milhões de doses de vacina contra o Coronavírus. Ao chegar a Bio-Manguinhos, as amostras vão passar por um controle de qualidade. A segunda etapa serão p descongelamento dos insumos a fim de serem embalados, rotulados e utilizados na fabricação do imunizante.

Todas as vacinas serão destinadas ao Programa Nacional de Imunização do governo federal; e o Ministério da Saúde ficará responsável pela distribuição em todos os estados.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos