Nova reunião entre Palmeiras e Globo aproxima as partes

Vitória palmeirense contra Atlético-MG não teve TV (Cesar Greco/Palmeiras)

A novela envolvendo a negociação dos direitos de transmissão do Palmeiras no Campeonato Brasileiro ganhou um novo capítulo na última sexta-feira. É que o diretor jurídico alviverde, André Sica, se reuniu com a cúpula da Globo e houve importantes avanços.

No encontro, a emissora melhorou sua oferta financeira em relação à exibição alviverde no pay-per-view. De acordo com uma fonte do Blog do Palmeiras, não há um acordo fechado, mas a conversa evoluiu consideravelmente. “Ainda faltam detalhes, mas agora são apenas detalhes”, avalia o palmeirense.

Uma nova reunião ocorrerá até quarta-feira, possivelmente com a presença também do presidente Maurício Galiotte. Se as diferenças forem superadas, dá para imaginar que o Verdão já tenha seu próximo jogo no Brasileirão transmitido - o confronto está marcado para sábado, contra o Botafogo, em Brasília. A partida passaria no pay-per-view.

O Palmeiras é o único clube da Série A cujas partidas não passam na Globo. Já no premiere, o Athletico Paranaense também não chegou a um acordo com a emissora.

O impasse palmeirense hoje consiste nas cifras que envolvem o pay-per-view. A Globo já concordou em retirar um redutor de 20% que foi imposto a todos os clubes que fecharam com o Esporte Interativo. Tal multa já foi retirada, após um acordo entre as duas emissoras.

A ideia do palmeirense Maurício Galiotte é receber um valor próximo aos pagos para Flamengo (R$ 120 milhões) e Corinthians (R$ 110 milhões). A primeira oferta da Globo foi de R$ 72 milhões, mesmo valor a que o São Paulo teve direito.

Veja mais no Blog do Jorge Nicola

Mais no Yahoo Esportes: