Nove dias após o pai, filha do diretor de carnaval Laíla morre vítima da Covid-19

Nove dias após o diretor de carnaval Laíla ter morrido de Covid-19, Denize da Silva Ribeiro, filha do artista, morreu pela mesma doença. Ela tinha 56 anos e estava internada no Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, em Acari, na Zona Norte do Rio, desde o dia 14 de junho. As informações foram confirmadas pela TV Globo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos