Nove mortos no Irã em confronto armado

·1 min de leitura
Dois iranianos em uma rua da capital, Teerã, em 28 de dezembro de 2021 (AFP/عطا كيناري)

Nove pessoas, incluindo três membros das forças iranianas, morreram em um confronto com "criminosos armados" na província de Sistão-Baluchistão (sudoeste), informou a Guarda Revolucionária.

"Seis criminosos armados foram mortos e outros cinco ficaram feridos em um confronto" na província de Sistão-Baluchistão, informou o Sepah News, o site oficial da Guarda Revolucionária, o exército ideológico da República Islâmica, em um comunicado no sábado.

"Três combatentes locais morreram como mártires no confronto, que ocorreu perto de uma aldeia" no centro da província, acrescentou o comunicado.

Na sexta-feira, a Guarda Revolucionária havia informado a morte de três pessoas implicadas no assassinato de dois de seus membros em 25 de dezembro na mesma área.

Sistão-Baluchistão, que faz fronteira com o Paquistão e o Afeganistão, é uma região pobre, palco de ataques ou confrontos entre as forças de segurança e grupos armados.

A violência costuma estar relacionada a contrabando ou confrontos envolvendo separatistas da minoria baluchi ou grupos jihadistas ativos na região, que Teerã afirma ter o apoio do Paquistão.

ap/kam/awa/pc/zm/mr

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos