Novo golpe no WhatsApp promete passagens aéreas de graça

Contato falso da Iberia envia uma mensagem ao WhatsApp da vítima, dizendo que a companhia está sorteando cinco mil passagens para viagens à Europa (Getty Creative)
Contato falso da Iberia envia uma mensagem ao WhatsApp da vítima, dizendo que a companhia está sorteando cinco mil passagens para viagens à Europa (Getty Creative)
  • Usuários recebem mensagem no WhatsApp com sorteio de passagens aéreas

  • Vítimas são principalmente falantes da língua espanhola

  • Uma das etapas consiste em baixar um app falso para melhorar na geolocalização

Um alerta dado pela empresa de cibersegurança ESET aponta que uma falsa oferta, de passagens gratuitas da companhia aérea Iberia, está sendo disseminada por meio do WhatsApp, em especial para falantes da língua espanhola.

Segundo informações do portal Tecmundo, um contato falso da Iberia envia uma mensagem ao WhatsApp da vítima, dizendo que a companhia está sorteando cinco mil passagens para viagens à Europa e pede para clicar em um link para download de um app possivelmente malicioso. Ao clicar, o usuário é redirecionado para uma página com o logo da Ibéria que solicita o preenchimento de um questionário.

"Ao responder as questões, o site faz um jogo para o usuário escolher caixas que podem conter o tal prêmio, porém, qualquer caixa selecionada informará que o usuário ganhou", diz a reportagem.

Para ter acesso ao prêmio, a vítima precisa disponibilizar sua geolocalização. Ao tentar, ele recebe uma mensagem dizendo que o telefone não está funcionando e com a recomendação de baixar um software que pode resolver o problema: o Velvet Phone Cleaner & Booster, disponível apenas no Google Play Store, além de roubar dados pessoais, assina serviços pagos sem o consentimento do usuário.

Veja sites a serem evitados:

Download via Torrent – Ao baixar arquivos diretamente no PC, o risco de estes serem infectados com malwares é muito grande. Caso o arquivo seja de extrema importância, acesse o site através de um computador com antivírus atualizado. E lembre-se que violar direitos autorais prevê prisão ou multa;

Sites de e-commerce falsos – Com a pandemia, muitas pessoas passaram a fazer suas compras pela internet, o que resultou na criação de falsos sites de compra e venda, cujo objetivo é apenas roubar as informações pessoais e bancárias. Confira a URL com atenção antes de efetuar uma compra;

Conteúdo adulto – Por se tratar de material dedicado a maiores de 18 anos, alguns sites falsos solicitam que o usuário instale um programa especial para acessá-lo. Mantenha o antivírus atualizado;

Clickbait – Os chamados caça-cliques têm como objetivo o maior número de acessos possíveis ao site através de chamadas sensacionalistas ou mentirosas. Desconfie de endereços suspeitos;

URL’s suspeitas – Erros de grafia no endereço do site podem indicar que se trata de um portal suspeito que esconde golpes ou vírus;

Fake News – Além do perigo da desinformação, portais que propagam notícias falsas podem também ser fontes de malwares. Pesquise se o conteúdo é verdade antes de transmiti-lo e preste atenção à grafia do texto.