Novo governo francês tem ministro negro defensor das minorias, mas nenhum ecologista

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A revelação do gabinete da nova primeira-ministra francesa, Élisabeth Borne, nesta sexta-feira (20), ilustra a continuidade do governo do presidente Emmanuel Macron, vencedor das eleições de abril na França. Mas o ministério traz algumas surpresas, como a nomeação de um intelectual defensor das minorias para a Educação. Já a ausência de um nome ecologista causa ceticismo quanto às promessas do presidente na área ambiental.

Alguns dos ministros que ocupavam as principais pastas na reta final do primeiro mandato de Macron permanecerão nos cargos: ​​o conservador Bruno Le Maire segue à frente do Ministério da Economia, Finanças e Soberania Industrial e Digital, Gérald Darmanin continua no Interior e Eric Dupond-Moretti permanece na Justiça, apesar da relações conflituosa que mantém com os sindicatos dos magistrados. Clément Beaune também continua no Ministério de Assuntos Europeus e Franck Riester, no Comércio Exterior.

A diplomata Catherine Colonna é a nova ministra das Relações Exteriores, a segunda mulher a ocupar o cargo na história do país. A própria Élisabeth Borne também é a segunda mulher a ocupar a função de chefe de Governo na França.

Colonna foi ministra de Assuntos Europeus de 2005 a 2007 e atualmente era embaixatriz no Reino Unido. Na Cultura, quem assume é a franco-libanesa Rima Abdul Malak, até então assessora do presidente para assuntos culturais. Figura na gestão da crise do Covid, Olivier Véran sai da Saúde e assume as Relações com o Parlamento.

Extrema direita critica novo ministro, “militante da imigração"


Leia mais

Leia também:
Emmanuel Macron troca governo e nomeia Élisabeth Borne como primeira-ministra
Escolha de mulher como primeira-ministra da França representa avanço social, mas não ruptura
Site do governo francês anuncia por engano renúncia do primeiro-ministro e sua equipe

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos