Nubank dará até R$ 225 milhões para clientes

·2 min de leitura
The logo of Nubank, a Brazilian FinTech startup, is pictured at the bank's headquarters in Sao Paulo, Brazil June 19, 2018. Picture taken June 19, 2018. REUTERS/Paulo Whitaker
The logo of Nubank, a Brazilian FinTech startup, is pictured at the bank's headquarters in Sao Paulo, Brazil June 19, 2018. Picture taken June 19, 2018. REUTERS/Paulo Whitaker
  • Nu Holdings anuncia criação do NuSócios, um programa de Oferta Pública Inicial (IPO);

  • Programa permitirá clientes virarem acionistas do banco; 

  • Fintech destinará entre 185 e 215 milhões de reais para investimentos no exterior;

Nesta segunda-feira (1), em comunicado em seu blog, a Nu Holdings, dona do Nubank, anunciou a criação do NuSócios, um programa de Oferta Pública Inicial (IPO) que permitirá aos clientes receberem ações da empresa sem nenhum custo a mais por isso. A fintech informou que destinará entre 185 e 225 milhões de reais para a distribuição de Brazilian Depositary Receipts (BDRs), que são certificados de ações emitidas no exterior.

De acordo com o Nubank, a iniciativa pretende “reconhecer e valorizar o papel essencial de seus clientes na construção de sua história”, informou em seu blog. A companhia ainda informou: "Vamos oferecer a milhões de pessoas a chance de ter um pedacinho do Nubank (BDR, porcentual de ação) sem nenhum custo", disse em comunicado, também reproduzido pelo site Tecmundo.

Leia mais:

Mas nem todos os clientes estão aptos para participar das percentuais de ação da fintech. Para se inscrever, a pessoa precisa ser um cliente ativo, não ter conta bloqueada para transações, e também não pode estar ou ter estado inadimplente por mais de 8 dias corridos, além de ter realizado ou recebido pelo menos uma operação em qualquer produto do Nubank nos últimos 30 dias (antes de aderir ao NuSócios).

Outra regra é de que os clientes, caso adquiram as ações, não poderão negociá-las pelos doze meses subsequentes a compra, para, daí então, terem liberdade sobre o que fazer com elas. De acordo com a fintech, cada BDR deve ser negociado por um valor de aproximadamente R$ 9,80. Os interessados em receber os BDRs poderão se inscrever a partir do dia 9 de novembro no próprio app do banco, segundo informações do banco em seu blog

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos