O argumento de Elon Musk para encerrar trabalho remoto na Tesla

Elon Musk
Crítico do home office, Elon Musk garantiu que quem não cumprir a norma pode "fingir que está trabalhando em outro local"

Na contramão de diversas gigantes de tecnologia, a fabricante de carros elétricos Tesla, do bilionário Elon Musk, ordenou que os funcionários voltem a trabalhar baseados no escritório.

A determinação partiu do próprio Musk, que diz que o trabalho remoto não seria mais aceitável, passado o pior momento da pandemia de covid-19. A nova política foi compartilhada por meio de e-mails que vazaram nas redes sociais.

A Tesla não respondeu a um pedido de comentário sobre os e-mails, um dos quais parecia ser direcionado a executivos da empresa.

Qualquer pessoa que não queira seguir as novas regras pode "fingir que está trabalhando em outro lugar", ironizou Musk no Twitter, quando questionado sobre a nova política trabalhista da empresa.

"Espera-se que todos na Tesla passem no mínimo 40 horas por semana no escritório", dizia um dos e-mails vazados. "Se você não aparecer, vamos supor que você se demitiu."

Os e-mails diziam que os funcionários deveriam voltar a trabalhar de um dos principais escritórios da empresa, "não a uma filial remota que não esteja relacionada às tarefas do trabalho".

Musk garantiu que ele mesmo revisaria quaisquer pedidos de exceções à política que anunciou. E acrescentou que o trabalho presencial em tempo integral deve ser a nova regra e que a colaboração presencial foi fundamental para o sucesso da empresa.

"É claro que existem empresas que não exigem isso, mas quando foi a última vez que lançaram um ótimo produto novo? Já faz um tempo", disse ele em um dos dois e-mails vazados nas redes sociais.

"A Tesla criou e criará e produzirá os produtos mais interessantes e significativos de qualquer empresa na Terra. Isso não acontecerá por telefone."

Várias opções

Empresas de diferentes setores estão definindo se devem manter as práticas de trabalho remoto que se popularizaram durante a pandemia de coronavírus.

Alguns setores, como o bancário, sinalizaram desde o início que esperavam que os funcionários voltassem aos escritórios, enquanto em outros, como o setor de tecnologia, muitas empresas disseram que trabalharão remotamente por tempo indeterminado. Muitos outros optaram por um sistema híbrido.

A ocupação de escritórios nos EUA é de aproximadamente 43%, segundo dados da Kastle, empresa de soluções de segurança em milhares de edifícios no país.

Fábrica da Tesla na China
"A Tesla produzirá os produtos mais interessantes e significativos de qualquer empresa na Terra. Isso não acontecerá por telefone", escreveu Musk

'Morando na fábrica'

Musk é famoso por sua própria atitude em relação ao trabalho. Ele raramente tira férias e, durante um período difícil para a Tesla, dormia no chão da fábrica.

"Quanto mais alto seu título, mais visível sua presença deve ser", escreveu ele em um dos e-mails, referindo-se à política de trabalho remoto.

"É por isso que morei na fábrica por tanto tempo, para que aqueles nas linhas (de produção) pudessem me ver trabalhando ao lado deles. Se não tivesse feito isso, a Tesla teria falido há muito tempo."

Não é a primeira vez que Musk critica o trabalho remoto. No início deste ano, ele escreveu no Twitter: "Toda a coisa de ficar em casa por causa da covid levou as pessoas a pensar que você realmente não precisa trabalhar duro. Um despertar difícil está chegando!".

*Em português, este texto foi originalmente publicado na BBC News Brasil.

Sabia que a BBC está também no Telegram? Inscreva-se no canal.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos