O polémico regresso de Juan Carlos

O rei emérito voltou a Espanha protegido pelos amigos incondicionais. Juan Carlos regressou depois de dois anos de auto-exílio, e numa altura em que já não é acusado de corrupção. O regresso  divide as opiniões. Muitos espanhóis dizem que o rei emérito fez muito bem ao país e deve ser perdoado te tudo, outros consideram que devia ser ouvido nos tribunais.

Nos últimos dias, o regresso de Juan Carlos encheu as capas dos jornais e provocou tensões políticas, dentro do governo de coligação e dentro da própria casa real.

Luis Arroyo, consultor de comunicação política, diz que a maioria dos espanhóis pensava que seria uma visita discreta para visitar a família. “Mas ele fez o oposto, veio e fez uma espécie e sessão fotográfica”, sublinha Arroyo, que não tem dúvidas : “quanto mais Juan Carlos dá nas vistas, pior é para a monarquia”.

Na próxima segunda-feira, Juan Carlos regressa a Abu Dubai. Antes da viagem, irá encontrar-se com o seu filho, o Rei Felipe VI, com a Rainha Sofia, e com outros membros da família real, no Palácio Zarzuela. E em breve, voltará a Espanha para outra visita privada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos