Mesário: o que faz, quem pode ser e os benefícios que ganha

Mesário: entenda tudo sobre a função (Agência Brasil)
Mesário: entenda tudo sobre a função (Agência Brasil)

O mesário tem responsabilidades muito importantes no dia das Eleições 2022 e ele deve por conferir a documentação necessária, controlar o registro de voto e outras funções, que você confere aqui neste artigo que mostrará tudo que um mesário deve fazer durante o período em que estiver trabalhando nos dias das votações.

O que um mesário faz?

Essas são as funções que um mesário deve exercer durante o período em que estiver trabalhando:

  • Identifica o eleitor

  • Conferir a documentação

  • Entrega o comprovante do voto

  • Confere o preenchimento de justificativas

  • Observar a organização da fila

  • Controlar o registro de votação

  • Habilitação da urna eletrônica

Quem pode ser mesário?

Podem ser mesários os eleitores que têm mais de 18 anos e estão em situação regular com a Justiça Eleitoral. Muitas vezes, é enviada uma convocação ou o cidadão pode se candidatar voluntariamente em seu estado.

Como se voluntariar para ser mesário?

Basta clicar aqui e fazer a inscrição online por meio do número do título de eleitor.

Quem não pode ser mesário?

  • Quem se candidata ou seus parentes, ainda que por afinidade, até o segundo grau, inclusive cônjuge;

  • Membros de diretórios de partidos políticos, caso exerçam função executiva;

  • Autoridades e agentes policiais que exercem cargos de confiança do Poder Executivo;

  • Quem trabalha na Justiça Eleitoral

Como será o treinamento de mesário em 2022?

A Justiça Eleitoral ainda não divulgou detalhes do treinamento para mesário em 2022.

Benefícios e vantagens de ser mesário nas Eleições 2022

  • Folgas: a cada dia trabalhado como mesário ou ter participado do treinamento oferecido pela Justiça Eleitoral, o cidadão tem direito a dois dias de folga em sua atividade profissional.

  • Atividades complementares: com o certificado que o eleitor recebe, confirmando os serviços prestados para a Justiça Eleitoral ele consegue usar como atividades complementares necessárias para formatura em algum curso universitário.

  • Desempate em concurso público: caso haja empate, o concurseiro terá o benefício do desempate a seu favor, caso seja incluso no edital do concurso.

  • Auxílio alimentação: A Justiça Eleitoral garante para o mesário um auxílio para a alimentação de R$40,00.

  • Isenção de taxa de inscrição em concurso público estadual