O XI ideal entre todos os jogadores treinados por Carlo Ancelotti

Fabio Utz

As 60 anos, Carlo Ancelotti é um dos técnicos mais renomados e vencedores do futebol mundial. Depois de iniciar carreira como assistente de Arrigo Sacchi na seleção italiana, começou como treinador no Reggiana. Em seguida, foi para o Parma e, depois, deu o start em sua incursão por equipes de ponta. Juventus, Milan, Paris Saint-Germain, Real Madrid, Bayern de Munique e Napoli foram clubes que contaram com a sua presença. Atualmente, é o Everton que desfruta de seus conhecimentos. Obviamente, ao longo deste trajetória, Ancelotti trabalhou com grandes jogadores, e a nossa missão, agora, é montar o XI ideal de nomes que passaram por suas mãos.


1. Iker Casillas

A parceria rendeu, por exemplo, Champions League e Mundial de Clubes. No Real Madrid, técnico e goleiro formaram uma dupla para lá de vencedora.


2. Cafu

O ex-lateral-direito brasileiro trabalhou com Ancelotti no Milan entre 2003 e 2008. Nesse período, eles conquistaram uma Champions League, uma Série A, uma Supertaça da Itália, um Mundial de Clubes e duas Supertaças da Europa.


3. Sergio Ramos

O zagueiro é peça importante para todos os técnicos que passam pelo Real Madrid. Com Ancelotti, não seria diferente. Assim como Iker Casillas, conquistaram juntos uma Champions League, uma Copa do Rei, uma Supertaça Europeia e um Mundial de Clubes.


4. Paolo Maldini

Impossível deixá-lo de fora. Como fez toda a sua carreira profissional no Milan, eles estiveram juntos entre 2001 e 2009. Nesses oito anos, foram duas Champions League, uma Serie A, uma Copa da Itália, uma Supercopa italiana, duas Supercopas europeias e um Mundial de Clubes.


5. Philipp Lahm

Um jogador altamente versátil e que, nesta seleção, entra como lateral-esquerdo. Juntos, venceram uma Bundesliga pelo Bayern de Munique.


6. Andrea Pirlo

O ex-meio-campista italiano compartilhou momentos inesquecíveis com Ancelotti no Milan. Juntos, conquistaram duas Champions League, uma Serie A, uma Copa da Itália, um Mundial de Clubes e duas Supertaças da Uefa.


7. Zinedine Zidane

O francês, que mais tarde seria assistente de Ancelotti no Real Madrid, foi treinador pelo italiano na Juventus entre 1999 e 2001. Eles não conseguiram nenhum título juntos e, algumas semanas depois que o treinador terminou sua passagem pelo clube, o jogador se transferiu para o Bernabéu.


8. Ronaldinho Gaúcho

O brasileiro compartilhou de uma temporada com Ancelotti no Milan. Não foi o suficiente para que ganhassem títulos juntos, mas o talento do Bruxo se mostrou incomparável.


9. Arjen Robben

A temporada 2016-2017 e alguns meses da temporada 2017-2018 serviram para que o ex-jogador holandês fosse comandado por Ancelotti no Bayern de Munique. Assim como Lahm, juntos venceram uma Bundesliga e duas DFB Pokal.


10. Cristiano Ronaldo

Uma Champions League, uma Copa do Rei, um Mundial de Clubes e uma Supertaça Europeia. O português foi um pilar fundamental da passagem de Ancelotti pelo Real Madrid, entre 2013 e 2015.


11. Ronaldo Nazário

Entre o inverno europeu de 2007 e o verão de 2008, o Fenômeno trabalhou com Ancelotti no Milan. A campanha não culminou em conquistas, mas quem ousaria deixar o atacante brasileiro de fora desta seleção?